Você está aqui
Home > HIV/AIDS > HIV: saiba o que é a síndrome retroviral aguda

HIV: saiba o que é a síndrome retroviral aguda

Síndrome Retroviral Aguda são sintomas da infecção recente pelo HIV

Você sabia que a pessoa infectada pelo HIV pode apresentar sintomas apenas 2 semanas após o contágio?

 A síndrome retroviral aguda é um conjunto de sinais e sintomas que ocorrem na fase aguda do HIV.

Aparece de 2 a 4 semanas após o contágio.

Conversaremos hoje sobre os principais sintomas que podem aparecer nessa fase:

 

Sintomas sistêmicos:

  • Febre alta (de 38 a 40 graus C),
  • Fadiga (cansaço),
  • Mialgia (dor nos músculos).

Linfadenopatias:

  • São os gânglios aumentados, as chamadas ” ínguas” ou carocinhos,
  • Elas costumam aparecer 2 semanas após a infecção pelo vírus,
  • Geralmente envolvem axilas, pescoço e nuca,
  • Começam a diminuir de tamanho após o quadro agudo da infecção, mas em algumas pessoas tendem a persistir.

Alterações na garganta e mucosas:

  • Dor de garganta é uma manifestação muito frequente nessa fase da infecção. Pode ficar inchada, vermelha e até com secreção.
  • Úlceras dolorosas com fundo branco e bordas vermelhas parecendo aftas dentro da boca, esôfago, região genital ou anal.
  • Candidíase oral.
  • Leucoplasia pilosa em língua.

 

Essas lesões podem se associar diretamente ao HIV ou a outras infecções sexualmente transmissíveis  (sífilis, herpes simples, etc).

Lesões em pele:

  • Rash

São pequenas erupções de cor vermelha ou cor de rosa, ou até mesmo bolinhas.

Aparecem tipicamente 48 a 72 horas após o início da febre e persistem por cinco a oito dias.

Ela pode aparecer na região superior do tórax, na região do colar e face, ou até mesmo no couro cabeludo e extremidades, incluindo as palmas das mãos e plantas dos pés.

Essas lesões geralmente não coçam.

  • Psoríase

Lesões avermelhadas e descamativas, normalmente em placas.

Essas placas aparecem com maior frequência no couro cabeludo, cotovelos e joelhos, além de pés, mãos e unha.

  • Foliculite

Inflamação de um ou mais folículos pilosos.

  • Micose

Fungos entre os dedos do pé.

  • Ictiose

Intenso ressecamento e descamação da pele, especialmente na região do tronco, pernas e pés, que deixam a pele parecida a escama de peixe.

  • Molusco contagioso

Infecção de pele causada por vírus.

As lesões do molusco contagioso são pequenas, elevadas, hemisféricas, da cor da pele, com aspecto translúcido e apresentando umbilicação central.

Podem estar isoladas (mais comum) ou se agrupar.

O tamanho das lesões pode variar de puntiformes a cerca de 5 milímetros de diâmetro.

Sintomas gastrointestinais:

  • Náuseas (enjoos),
  • Diarreias,
  • Falta de apetite,
  • Perda de peso,
  • Pancreatite (inflamação do pâncreas) – são raras,
  • Hepatite (inflamação do fígado) – são raras.

Sintomas neurológicos:

  • Frequente: Dor atrás dos olhos que piora ao movê-los,
  • Raras: meningite asséptica, fotofobia (intolerância à luz), mudanças de personalidade, confusão mental, até síndrome de Guillain Barré já foi descrita.

Infecções oportunistas:

Esse tipo de infecção geralmente ocorre apenas na fase mais desenvolvida da infecção pelo HIV, ou fase AIDS.

Micro-organismos que não são capazes de causar doenças em pessoas com a imunidade normal, podem causar graves infecções e até matar quem possui pouca defesa imune.

Em casos raros, essas infecções podem ocorrer durante a queda transitória da imunidade, que ocorre na primeira fase da infecção pelo HIV.

Além de rara, quando ocorre geralmente é mais branda e pode até passar desapercebida pelo paciente, pois depois dessa primeira fase inicial de imunossupressão há uma recuperação das células de defesa.

 

É importante considerar algumas coisas:

  • Na fase aguda da infecção, a possibilidade de transmissão é grande, pois existe grande quantidade de vírus circulando no sangue.
  • Sintomas de infecção aguda pelo HIV são muito raros (poucas pessoas apresentam) e são muito inespecíficos (podem ter várias outra causas).
  • O ideal é realizar exames sorológicos específicos pelo menos 1 vez por ano, ou até de 3 em 3 meses dependendo da frequência de risco. Não se pode jamais esperar sentir alguma coisa ou achar que está doente.
  • Se os testes sorológicos forem negativos ou indeterminados nessa fase, o teste pode ser repetido 30 dias depois, mas o diagnóstico já pode ser confirmado com a medição da carga viral no sangue.

Fonte:

 

CRM-SP 161.392 RQE 55.156-Residência médica em Infectologia pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) com complementação especializada em Controle de Infecção Hospitalar pela USP (Universidade de São Paulo); Pós-Graduação em Medicina Intensiva pela Universidade Gama Filho; Graduação em Medicina pela ELAM, com diploma revalidado por prova de processo público pela UFMT (Universidade Federal do Mato Grosso); Experiência no controle e prevenção de infecção hospitalar com equipe multidisciplinar no ajustamento antimicrobiano, taxa de infecção do hospital e infectologia em geral, atendendo pacientes internados e com exposição ao risco de infecção hospitalar; Vivência em serviço de controle de infecção hospitalar, interconsulta de pacientes cardiológicos e imunossuprimidos pós-transplante cardíaco no InCor (Instituto do Coração) ; Gerenciamento do atendimento prestado aos pacientes internados em quartos e enfermarias, portadoras de doenças crônicas e agudas com necessidades de cuidados e controles específicos.

402 thoughts on “HIV: saiba o que é a síndrome retroviral aguda

  1. Eu não tive reação nenhuma
    Nada de nada
    Fiz um teste de rotina
    Nada de febre de emagrecimento. Manchas
    Nada é estava em um estado de alerta total
    Tive que entrar em tratamento urgente sem nenhum
    Sintoma

    1. A Síndrome retroviral aguda além de possuir sintomas muito inespecíficos (ou seja, podem corresponder a vários outros motivos que em nada tem que ver com o HIV), só ocorrem em uma minoria dos pacientes. O ideal para se fazer o diagnóstico precoce do vírus é realizar o exame sorológico específico pelo menos uma vez ou por ano ou até mesmo de 6 em 6 ou 3 em 3 meses, dependendo da frequência de exposição. E na dúvida, sempre realizar o teste, pois o teste é a unica form ade ter certeza do diagnóstico e realizar o tratamento antes do desenvolvimento da doença.

      1. Estou com medo dos sintomas que sinto, mas fiz um exame quimioluminescente de 4 geração 48 dias após a exposição em sexo insertivo vaginal. Será que é outra coisa?

    2. Assim como a infecção aguda geralmente não cursa com sintomas, a doença avançada (fase AIDS) com CD4 muito baixo, também pode se desenvolver sem nenhum, nem mesmo emagrecimento. Até que faça o exame, ou que pegue uma infecção oportunista e nesse caso, os sintomas serão correspondentes a infecção e não ao HIV em si.
      Para todas estas fases a única forma de confirmar o diagnóstico é por exames de sangue específicos

      1. Tive dor de garganta por mais de 15 dias, suor noturno por uma semana, depois dor nas juntas, após isso tive uma dor nos ombros q durou uma semana, candidíase, peniana, foliculites muito dispersas que não foram muitas mas duraram uns 45 dias e atualmente tenho tido muita coceira no couro cabeludo que não é caspa. Esses sintomas vem acontecendo há mais de 100 dias. Fiz um teste rápido 54 dias após uma possível situação de risco q deu negativo. Será possível ser uma fase aguda???

        1. Sugiro procurar um médico infectologista para te avaliar pessoalmente e buscar inclusive, outros diagnósticos.
          Não é esperado que sintomas de infecção aguda demore tanto tempo e ainda esteja com teste diagnóstico não reagente.

  2. Doutora, fiz sexo oral em um rapaz e no dia seguinte ou dois depois (não lembro bem) minha garganta inflamou, tive febre e leve diarreia , acho q durou uns dois dias… Quase três meses depois meu gânglios do pescoço inchou, mas sem dor nenhuma… Será q é HIV?

    1. Os sintomas da infecão aguda pelo HIV não aparecem em tão pouco tempo após a infecção.
      SE estes sintomas forem de infecção aguda, está relacionado a outra exposição e não a essa relacionada, mas existe uma serie de causas para ganglios aumentados no corpo e sugiro que você procure um médico infectologista para um estudo mais aprofundado.

  3. Iniciei um PEP após 40 horas de uma exposição de risco, existe uma porcentagem de eficiencia do PEP após passar tanto tempo?

    1. Boa noite. Desconheço uma porcentagem de eficiência do PEP de acordo ao tempo de inicio que esteja na literatura científica. O que está bem documentado é que quanto mais próximo da exposição, maior a sua eficácia e que após as 72 horas da exposição já não trás nenhum beneficio.
      Att,
      Dra Keilla

  4. Dra. Keilla, sobre a fase aguda, entendi no artigo que ocorre tão logo o contato inicial com o vírus, já nos primeiros dias. Sendo assim, é possível ocorrer fase aguda 120 dias após o contato de risco? A fase aguda pode durar mais que 30 dias? Outra pergunta: o teste rápido de CTA com 160 dias é um resultado definitivo? E se for realizado em fase aguda ele é capaz de detectar? Obrigada.

    1. Os testes rápidos não são de 4 geração, apesar de muito sensíveis. sugiro realizar um de 4 com mais de 90 dias da exposiçao antes de encerrar o caso. o tempo de evolução dos sintomas de fase aguda depende do sintoma.

  5. Olá Dra. Keilla, faz uns 5 dias que eu estava em uma roda de chimarrão na sala de aula, nesse momento eu furei o meu dedo com um compasso sem querer e fui chupar meu próprio sangue logo após tomar uma cuia de chimarrão. Fiquei me perguntando se posso ter me infectado com HIV, parece besteira, mas eu devo fazer o teste?

  6. Boa tarde doutora!
    Estou hj com 7 semanas e 6 dias da minha exposição e risco, fiz exame rápido com 32 dias, nao reagente, novamente com 37 dias, nao reagente tmb.
    Desde os primeiros dias do contato tem aparecido eventuais vermelhidões sem relevo e algumas vezes coçam, e depois elas somem em alguns minutos. Isso acontece ate agora, poderia ser uma manifestação aguda tardia?

  7. apois uns 20 dias de relacionamento de risco com uma garota tive uma forte diareia por dois dias e vumetei no primeiro dia, gostaria de saber se essa seria uma fase aguda, e se nao em geral quantos dias a pessoa fica doente na fase aguda do hiv?

    1. Sintomas de fase aguda do HIV variam de acordo com cada pessoa, a maioria nem apresenta nenhum sintoma.
      O tempo em que leva para os sintomas desaparecerem também varia de acordo com cada caso.
      Você precisa se avaliar pessoalmente com um médico infectologista para realizar os exames cabíveis e tomar as medidas necessárias para o seu caso.

  8. 4semanas pôs exposição (sexo desprotegido) :Teste negativo + calafrios (1 dia) +seguido de diarreia mal absortiva 4dias + rinorreia (com congestão nasal) 1 dia…… (todo isto contabilizando 6 dias)……….. Será SRA?

    1. Sintomas de fase aguda do HIV variam de acordo com cada pessoa, a maioria nem apresenta nenhum sintoma.
      O tempo em que leva para os sintomas desaparecerem também varia de acordo com cada caso.
      Você precisa se avaliar pessoalmente com um médico infectologista para realizar os exames cabíveis e tomar as medidas necessárias para o seu caso.

  9. Dra. Caso eu esteja apresentando sinais da fase aguda do HIV, nos testes de 4ª geração ele ja positiva? Obs. Estou com 90 dias da exposição e com a garganta inflamada.

  10. Doutora

    Tive uma relação desprotegida com uma pessoa soropositiva indetectável e sem ejaculação interna, a chance de contrair HIV num caso desses é menor ou a probabilidade é a mesma?

    1. As chances de pegar HIV em relação sem, proteção com alguém HIV positivo mas com carga viral indetectável é muito menor que com uma pessoa com HIV detectável. Inclusive uma forma muito eficaz de evitar a transmissão do vírus HIV é mantendo-o indetectável.

  11. Doutora! Os sintomas podem durar 45 dias? Não tive dor de garganta nem sapinhos.. só perda de apetite e dor nas axilas mas sem inchaço!

  12. Dra, tive uma relaçao sexual sem camisinha na sexta, dia 23/06/2017. Ontem, 27/06/2017, fui surprendido por uma enorme febre, 38 a 39 graus, sem coriza, sem dor de garganta. Aparentemente, apenas a febre, moleza e calafrio. Gostaria de saber se isso já é o início da fase aguda do hiv?

    1. Não. O tempo é muito curto para isso. sugiro que procure um medico infectologista para te avaliar. Você pode ter qualquer infecção que ainda estava incubando e começou agora. Mas existem muitas causas de febre. ate mesmo condições não infecciosas.

  13. Boa tarde, no mês de abril, antes do dia 24 tive relações com alguém sabiamente portador do vírus HIV, com carga viral indetectável, porém em uma relação a camisinha saiu do meu pênis pela metade. No dia 31 de maio fiz um exame , deu negativo , agora de ontem pra hoje estou com amigdalite, febre de 38,8 ,suor enquanto durmo, mesmo nesse frio, e hoje estou vomitando, pode ser a fase aguda do hiv? Depois de 8 semanas ?

    1. 1) Este tempo é curto para o surgimento de sintomas de fase aguda
      2) Pessoas com carga viral realmente indetectável possui risco muito baixo de transmissão do vírus
      3) Sugiro que se consulte pessoalmente com um médico para te avaliar e realizar um diagnóstico

  14. Dia 18/06 tive um relaçao na qual a camisinha estourou,desde o 27 começou a me dar febre pasageira ,ontem e hoje ao acordar me deu dor de cabeça seguido de febre ,isso pode ser HIV ou apenas gripe?

      1. Ola DR, eu tive relação sexual com uma garota em Setembro, outubro e novembro, mas desde o dia um de janeiro até o momento sinto um mal estar, ligeira dor de cabeça as vezes, um certo grau de fraqueza mínimo mas persistente e dor leve nas articulações e ardor na sola do pé e uma ligeira dor na garganta, pedi q a garota fizesse um teste rápido e deu negativo

  15. Doutora desde janeiro tomo retroviral 3 / 1 no início vulmitei mais depois nunca antes estavo com quase 180 mil vírus agora indetectado após dois exames porém cinto uma forte depressão que passa principalmente antes de tomar medicacao penso em parar com a medicação.

  16. Doutora, me coloquei em situação de risco há mais de três meses. Fiz sexo oral em uma mulher que conheci em um site de relações casuais, sendo que ela já mantinha várias relações sexuais. Ela disse que sempre usava preservativos, mas não dá pra confiar. Quanto a mim, usei preservativos, exceto no sexo oral.
    Estou muito paranóico. Fiz um exame rápido de HIV dois dias depois da exposição, em 13 de março, NEGATIVO. Fiz outro rápido e um que levava 30 dias (para detectar outras DST’s) no dia 25 de abril, NEGATIVO pro rápido de HIV. Entretanto, quando fui pegar o de 30 dias, já em 27 de junho, pediram recoletagem pra HIV e Hepatite C. Na hora quase desmoronei. Forneci o material e resolvi, no dia seguinte, fazer mais um teste rápido HIV, que deu NEGATIVO. Mas mesmo assim não estou confortável.
    O que isso significa? O teste rápido pode falhar e o de 30 dias (que acho que se chama sorologia) pode apontar POSITIVO?
    Destacando que neste final de semana fiquei com a garganta inflamada (embora ache que seja devido à temperatura, já que onde moro a temperatura caiu pra uma média de 16°C) e que minha língua está cheia de pontinhos na ponta e nasceram umas bolhinhas abaixo dela. Fora isso, acho que não tenho mais nada anormal que tenha percebido.

  17. Dra. Keila, fui em uma manicure e não tenho certeza se os materiais utilizados por ela estavam esterilizados. Suponhamos que ela tenha usado em mim o mesmo alicate que usou na cliente anterior, qual a chance de contrair hiv? Fiz um teste rápido no CTA aproximadamente 40 dias após essa ida à manicure e deu não reagente. Gostaria de saber se posso ficar tranquila em relação ao resultado. Obrigada

  18. Dra. fui fazer um teste rápido para HIV , por conta de um sexo oral desprotegido que recebi , e acabei contrariando Herpes, porém na hora de preenchimento da ficha falei que havia sido por volta de 30 dias , pq não sei com exatidão a data , mas acho que seria por volta de 20 e poucos dias , quase 30. O Teste deu negativo , porém acha que devo repeti-lo ? Desde a data do ocorrido não paro de pensar nisso , perdi o apetite , fiquei com diarréia e perdi uns quilos, sempre acordo no meio da noite pra ir ao banheiro, notei que minha língua está esbranquiçada. Oq me aconselha doutora ?

  19. Olá Dra.! Fiz sexos desprotegido com uma mulher,assim que saí do local já estava sentindo minha garganta doer,passou a semana assim! Estou na segunda semana e a garganta ainda dói,porém tive um pouco de catarro. Sei que o diagnóstico seguro se dá apenas com o exame, mas pelo quadro apresentado,pode ser uma infecção aguda por hiv!?

  20. Ola Dra. Comecei a ter um relações com uma mulher (20 anos de idade) , e sempre que tinha relações sexuais com ela, e usava camisinha para penetrar, só que teve duas ocasiões aonde eu fiz sexo oral nela numa época em que ela estava menstruando, uma foi aproximadamente no começo de junho, a outra foi mais ou menos no dia 23 de junho, e o detalhe que me assombra é o fato de eu ter gengivite. E desde ontem (17 de julho) ontem comecei a ter inflamação de garganta e hoje tive febre.
    Ela é uma pessoa que sempre tem gripes e viroses, isso talvez significa que ela tem imunidade fraca. E também sempre teve vida sexual ativa (mesmo dizendo que era com camisinha, mas não posso confiar), por isso estou preocupado.
    Você acha que devo me preocupar? e quando eu posso fazer um exame de teste? Obrigado.

      1. Dra. esse teste de 15 a 20 dias é o Elisa de 4a geração? Tive uma situação de risco no dia 13/10 e no dia 15/10 começou uma amigdalite com pontos de pus em ambas as amigdalas, sem febre..comecei tomando amoxilina e depois azitromicina..a amidalite passou no dia 19/10, porém..tive diarréia aquosa desde o inicio da medicação q durou a semana tda..fiz teste rapido no CTA no dia 16/10 q deu não reagente..qto tempo devo esperar para fazer o Elisa 4 geração?

  21. Há 15 dias tive relação sexual (vaginal) com um garota de programa de sorologia desconhecida e usamos camisinha. Porém duas semanas depois sinto a pele seca, as vezes tenho diarréia, não sei se tenho rash, aparecem algumas vezes uns pontos vermelhos… Eu sofro com ansiedade e to quase surtando. Corro algum risco?

  22. olá dra. tive relação com uma mulher durante esse periodo senti dor de cabeça, dor muscular e nas articulações dor nas articulações uma semana depois, febre 15 dias depois no final da tarde 37,8 que passou quando tomei banho. 15 dias antes eu já estva refluxo gastrico que causou vemelhidão na garganta e um exame de hemograma feito 33 dias depois deu neutrofilia. segmentados 9000 e segmentados 113. o dr disse ser infecção bacteriana e passou levofloxacino por 7 dias no segundo dia de uso do antibiotico e 37 dias depois da exposição surgiu uma coceira na parte superior do pé direito, com diversas bolinhas. pode ser reação do remedio? tipo de coceira é caracteristico da fase aguda?

  23. Tive um relacionamento sem proteção na quinta passada, no sábado já acordei com garganta inflamada, febre, suores noturno. Está parceira falou que não fez com ninguém sem camisinha, eu sempre faço exames periódicos. Após o último exame feito que deu negativo após a 60 dias do risco deu negativo. Queria saber se é possível sentir os sintomas em 2 dias após o relacionamento é se eu fizesse exame agora iria aparecer algo?

  24. Dra Keilla, tudo bem? Dia 10/07 tive uma relação sexual e a camisinha estorou. Pedi os exames dele, elle tinha feito tudo menos de 1 mês e deu negativo. Fiz um teste rápido com 14 dias e acabei de fazer um teste de quarta geração no dia 31/07. Todos deram negativos. Porem hj acordei com dor na garganta, acredito que tou ficando gripado. Pretendo fazer mais um teste em 30 dias, porem você acha que em 21 dias dando negativo, o resultado já é seguro? Obrigado e parabéns pelo site!

  25. Descobrimos esta semana que a “dengue” que minha funcionária doméstica teve ano passado foi, na verdade, provavelmente uma infecção aguda pelo HIV. Ela fez o diagnóstico recente e está aguardando resultados de cd4 e carga viral. Está bem e claro que continuará trabalhando conosco, pois sabemos que isso não influencia em nada a capacidade dele em trabalhar, e que ter o emprego e o suporte aqui farão bem a ela e ao tratamento. Minha dúvida é se seria necessário a testagem das pessoas aqui de casa e dos filhos (todos jov.ens) dela.

  26. O que caracteriza sudorese noturna? dois dias acordei com as pernas suadas, retirei a coberta e passou, não tive febre

  27. NA MINHA CIDADE SO FAZ TESTE HIV IMUNOCROMATOGRAFICO, COMO FAÇO PAAR FAZER O ELISA TEM QUE PEDIR PARA O MEDICO ESPECIFICAR

  28. olá parabéns. os sintomas da fase aguda pioram com exercicios fisicos após 50 dias? sinto os sintomas a quase 60 dias.

    1. Dificilmente, pois é muito cedo. a não ser que tenha existido outra exposição de risco de 2 a 4 semanas antes do aparecimento dos sintomas. Procure um médico infectologista para te avaliar pessoalmente.

  29. Olá boa tarde. fiz sexo oral desprotegida mais não ouve ejaculação durou uns 5 min qual a probabilidade de ter contraído hiv?

  30. exposiçao: dia 23, examehiv 1 2 elisa: dia26, result n reag, médico falou q a prob de n ter infectado é de 99%, mas ainda c medo janela imun

  31. só dor de gargaanta e cansaço 3 semanas após exposição de risco, elisa 5 dias após exposição negativo, riscos?

    1. Se você se refere ao acompanhamento da pessoa portadora de HIV depende de cada caso e do momento do tratamento em que está, pessoas que já possuem carga viral indetectável há mais de 2 anos, e sem nenhuma outra doença como pressão alta, diabetes, obesidade, problemas do colesterol etc, devem fazer avaliação medica especializada pessoalmente e realizar exames no máximo a cada 6 meses, idealmente a cada 3 meses, pelo menos os exames gerais como hemograma,a exame do rim e fígado.

  32. Transei sem camisinha a 11 semanas e agora gripei. Teste negativo 4 e 8sem. Os da outra pessoa negativos após 7sem. Essa gripe é SRA?

  33. No dia 19/08 tive uma relação desprotegida e no mesmo dia iniciei a PEP sinto uma leve irritação na garganta, pode ser efeitos colaterais?

  34. Dra, durante a fase aguda, o exame de quimioluminessencia que procura anticorpos para hiv 1 e 2 e proteína p24 já se positiva né?

  35. Tive no dia 27/07 relação sem penetração, a uns 10 dias atrás me apareceu foliculite, só isso poderia ser sintoma HIV?

  36. Fiz um teste, durante uma pneumonia. A relação sem camisinha foi 10 meses desse exame. Deu negativo. Pode ter erro?

  37. 3 dias da relação tive calafrios e bolinha dolorida no pescoço. No outro dia dor no corpo, cansaço e dor de garganta. Podem ser sintomas já?

    1. A não ser que tenha outra exposição mais antiga, 3 dias é muito pouco para a apresentação de sintomas de fase aguda. Procure um médic infectologista para te avaliar pessoalmente e solicitar os exames pertinentes.

  38. 5 dias depois estou apresentando pontinhos vermelhos pelo corpo e dores nas pernas,dobras dos braços e pescoço(durmo de rede)

  39. nao sei se pode ser um mau jeito,fui a uma dermatologista e ela disse q nao tinha relações com hiv e sifilis,mas ainda sim estou preocupado

  40. 10 meses após relação de risco tive pneumonia. Solicitaram o teste e deu não reagente, após 1 semana de espera. É possível ter erro?

  41. Dra, sexo anal, prevenido, usando preservativos, a Algum risco de contagio? a camisinha não estourou nem nada.

  42. Dra, apos 61 dias do comportamento de risco fiz o teste rápido e deu negativo , posso encerrar o diagnóstico?

  43. Bom dia Dr
    Posso ter rash, dor muscular, linfonodo aumentados e dor articular depois de 15 dias de exposição e não estar com hiv?

  44. Ola estou com sintomas de hiv (rash cutaneo no corpo e manchas vermelhas tambem ha mais de 3 meses e possivel ainda esta na fase aguda? Ou ja que passou tanto tempo e uma outra coisa?

  45. Olá doutora… tive uma relação protegida com uma prostituta (usei camisinha de latex desde o início, como manda a cartilha) e a camisinha não se rompeu nem escorregou. No dia anterior tinha tomado a vacina Engerix B. Treze dias depois tive dor de garganta persistente e sem febre, agora 27 dias depois, um episódio de candidíase genital e fico preocupado: haveria risco real para ARS? Ou seria só uma reação ao clima seco de brasília ou à vacina e que me levaram a uma crise de hipocondria? Obg

  46. Boa tarde, descobri que tenho Hiv a dois meses, recentemente saiu o resultado da carga viral e cd4.
    Sendo carga viral 75.000 e cd4 48. A médica nao me explica muito bem da minha propria doenca, apenas falou que esta ruim o resultado. Gostaria de saber se realmente esta ruim, ou qual referencia de uma taxa de cd4 e carga viral boa. E se pelos meus resultados é considerado Aids. Pelo pouco q pesquisei o cd4 esta muito baixo. Obrigado

  47. Boa noite, Dra! Gostaria de saber qual o exame é mais recomendado para finalizar o caso da janela imunológica do hiv de 90 dias, o pcr qualitativo ou quantitativo? pq ja procurei o teste elisa 4º geração em alguns laboratórios próximos e n achei.

  48. Bom Dia, Dr!!!
    Tive relação desprotegida dia 5/08 passou mais ou menos 50 dias comei a gripa e sentir a garganta inflamada como se tivesse algo preso nela, tomei antibiotico resolveu um pouco mas continua fiz exames neste período deu não reagente, ainda sim sinto alguns sintomas estou maluco, tem algum exames que fazo que pula a janela imunologica…

  49. Doutora, tive um caso de mononucleose em que os exames deram duvidoso. Durante a seamana fiz um teste e deu negativo. Fiz sexo oral 2 dias antes dos sintomas aparecerem e a outra vez foi 2 meses antes. Posso confiar no resultado de teste rápido?

  50. Bom dia doutora! Há uns
    4 meses, me envolvi em uma situação de risco, de tempo em tempo, tenho tido febres baixas que veem e vão sem nenhum outro sintoma. Pode ser um sinal de um possível hiv no corpo? Ou pode ser qualquer outro problema e isso só é coisa da minha cabeça?

    1. Febre é um sintoma muito inespecífico, ou seja, pode ter varias causas, e deve ser investigado. Você precisa se consultar pessoalmente com um médico infectologista para te avaliar e solicitar os exames necessários.

  51. Dra, algumas dúvidas:
    1. O uso da PEP inibe a síndrome retroviral mesmo em caso de soroconversão?
    2. A PEP pode ocasionar além da icterícia, um rash?
    3. A foto que colocou do rash é diferente da maioria que se encontra na internet, ela pode ser apenas uma vermelhidão sem erupções ou feridas?

  52. Dr. Tv uma relação q no final tirei o prsvatvo uns 2 min+/-, com uma ex minha, estávamos 4 meses separados . stv em fase de melhora Duma amidalite ante do sexo, dp tive sintoma de tosse seca que a noit piora, já tive isso ano pasado, aí em 16 dias fiz o tst rápido deu não reagente, porém fiz elá fz exams de sangue e pegará o resultad fim do mês, antes msm de fzr o TST rápido apresentei umas linha branca lado da língu e trato a tosse com citroploxacina tomei nistatna, so q a linha some/ volta

  53. Dra, Boa tarde! Fui exposto, acidentalmente, ao risco devido rompimento da camisinha. Procurei dentro das primeiras 4 horas o CTA para tomar a PEP. Poderia esclarecer duas informações?
    Se eu tomar corretamente qual a eficácia da PEP, ela realmente trás um benefício comprovado?
    Quando eu for fazer o exame após 30 dias, a PEP poderia retardar a soroconversão e eu não obter um resultado concreto?

  54. Dra. Keilla,
    Tive uma relação de risco no dia 08/09 venho sentindo alguns sintomas:
    (15 dias pós exp) 23/09
    – Inicio dos sintomas com febre
    – Indisposição
    – rash
    – vermelhidão no rosto
    – Insonia e falta de apetite
    – Sensação estranha no pescoço e axila ( acredito que seja alguma alteração nos linfonodos).
    (24 dias pós exp) 02/10 teste rápido em uma CTA para Hepatites, Sifilis e HIV , todos negativos.
    – foliculite
    (42 dias pós exp) 20/10 Quimioluminescência p24 + anticorpos negativo.

    1. Alguns sintomas como a sensação estranha no pescoço e axila, febre e indisposição passaram. Considerando os fatos, o exame de 4a geração do dia 20/10 teria tudo para dar positivo se efetivamente for HIV, correto? Pois ele foi feito em uma fase em que ainda há manifestação viral e também ação de anticorpos. Essa linha de raciocínio está correta?

      1. Essa linha de raciocínio está correta, mas em medicina as coisas não são tão simples.
        Se ainda tem sintomas, sugiro que procure um médico infectologista para te avaliar pessoalmente e realizar os exames necessários.

  55. Dra. Keilla, tive uma relação de risco nas primeiras horas dia 14/10 (sábado) após uma festa, a moça fez questão de usar camisinha, eu a coloquei, mas no meio do caminho a mesma escapoliu, peguei um susto qdo a vi no chão.. houve uma breve penetração, breve, no dia 16/10 já apareceu uns sintomas de amigdalite bacteriana forte, q durou 1 semana, mas sem febre, e diarreia, talves pelo antibiótico, posso ter contraido hiv?

    1. A Amigdalite não tem relação, com uma infecção por HIV que aconteceu tão pouco tempo antes. mas há exposição de risco. Sugiro que procure um Infectologista pessoalmente e faça os exames necessários.

      1. Todo mundo nnecessariamente após a exposição tem que apresentar algum sintoma ? Dentre os sintomas listados em sua matéria, a febre é presente em todas as pessoas expostas ao vírus?

  56. Dra, boa noite! Fiz sexo oral sem preservativo na última segunda-feira, 2/3 dias depois senti dor nas articulações e logo em seguida apareceram pequenas manchas vermelhas nas pernas e tronco. Existem casos de sintomas de HIV agudo tão rápidos assim? Amanhã farei teste rápido, ele já serve de algo com esse período de uma semana?

  57. Dra, uma pessoa que usa aparelho e em uma festa beija um garoto, se a pessoa sem querer arranha com o aaparelho os lábios do garoto e sangra um pouco, porém ela não tem ferimento nenhum na boca, essa menina tem algum risco de contaminação caso a pessoa tenha alguma DST ?
    PS- o tempo de exposição foi curto, pois foi só 1 beijo e foi bem rápido. E isso já faz um ano e a pessoa não apresentou nenhum dos sintomas de infecção aguda.

    1. Não ter sintoma de infecção não afasta o diagnóstico de nenhuma infecção sexualmente transmissível, mas o risco de transmissão de doenças como HIV neste contexto é muito baixo, mas comum seria herpes e mononucleose.

  58. Dra, tive relações sexuais com um homem, ele ejaculou na minha boca e acho que o sêmen entrou em contato com meu olho. 10 horas depois tive amigdalite com secreção acompanhada por febre, fui ao posto e ele me receitou com Benzetacil. 14 dias depois, meus gânglios voltaram a inchar no pescoço e virilha. 1 dia depois, bolhas parecendo picadas de mosquitos que aparecem na dobra do cotovelo e somem em torno de 2 horas.

  59. Dtr. No dia 23 tive uma exposição n sei se a pessoa tem Hiv mas no dia 23 tive coceira na garganta.No dia 30 uma ingua atraz da orelha dia 2 calafrio nas pernas pode ser hiv? Nao houve ejaculação.

    1. Sugiro que procure um médico infectologista para te avaliar pessoalmente, pedir os exames necessários e fazer o diagnóstico.
      1 semana geralmente é muito pouco tempo para aparecer sintomas de fase aguda do vírus, mas lembre-se que a pessoa pode estar infectada sem nunca ter apresentado sintomas.

  60. Dtr. No dia 23 tive relação n sei se a pessoa tem Hiv. No dia 26 tive coceira na garganta.No dia 30 uma ingua atraz da orelha não sei se foi após fazer um processo forte quimica no cabelo. No dia 3 comecei sentir tremor e formigamento nas pernas .Isso ta mim tirando a paz o sono. Não sei se e medo ansiedade mas to c muito medo d morrer ter contraído essa doença.Nesse período ja e possível ser sinais? Mim ajuda estou desesperada.

  61. D.r fiz Sexo oral em uma GP,depois de 2 semanas senti enjoo,nauseas,fortes dores no abdomen,meu testiculo inchou,minha lingua ficou irritada,com 45 fiz um exame elisa de 4 geração,não reagente!com 80 dias fiz um teste rapido no cta ,nao reagente,e com 92 dias fiz outro teste elisa 4 geracao!nao reagente!devo me preocupar?não tive nenhuma exposição depois da exposicao de risco!

  62. Olá Doutora!
    Posso apresentar sintomas da fase aguda após 8 dias de uma exposição de risco ou o período de 2 semanas citado no artigo é o período mínimo para aparecimento destes?

    1. É difícil ocorrer uma síndrome retroviral aguda com menos de 2 semanas após a exposição.
      Na dúvida, consulte um médico infectologista pessoalmente para avaliar os seus sintomas, a sua historia e pedir os exames cabíveis, entre eles um teste de 4ª geração

  63. Dra boa noite! Passei por uma situação de risco , recebi sexo oral e aconteceu uma penetração homem mulher sem ejaculação, nao terminamos, mas sinto varias coisas como queimação nos pes e muitas espinhas no rosto e no colo, fiz varios exames 4 geração o ultimo com 80 dias e deu negativo, oque devo fazer?

  64. A foto que colocou do rash é diferente da maioria que se encontra na internet, ela pode ser apenas uma vermelhidão sem erupções ou feridas?

  65. Olá, tenho uma grande dúvida, fiquei com uma moça, mas apenas nos masturbamos, peguei no fluido vaginal dela e acabei pegando no meu pénis, e estava com uma pequena fissura na virilha, depois de algumas semanas fiquei com gripe que não cura pode ser uma sintoma?

    1. Provavelmente não tem relação. o risco nessa situação é muito baixo.
      Na dúvida, não fique remoendo a situação, procure um médico infectologista e faça todos os exames necessários.

  66. Ola, Tive contato sexual de risco a 11 dias.
    No 3 dia de exposição, tive dor de garganta leve.
    No 4 dia, manteve o sintoma acima e dor no corpo.
    No 5 dia manteve os sintomas acima e acrescentou enjoo e inicio de diarreia.
    Atualmente, no 11º dia, estou apenas com diarreia.
    No dia da relação sexual, eu ingeri muita bebida alcoólica na sexta, tive a relação no sábado pela madrugada e sábado a noite tive uma festa o qual bebi muito e passei mal no domingo.
    Pode ser HIV?

  67. Oi doutora, então eu fiz sexo com o rapaz mas ele usou camisinha só que abriu com o dente e diz que pode danificar o preservativo mas até aí beleza, Depois da relação sentir dores no abdomem e a dor passou rápido mas daí eu comecei a ter febre , coriza , dor de cabeça , e tem uma linha marrom na minha unha peguei gripe e tosse ,uma leve dor na garganta , mas não tive Rash e nem erupção cutânea , peguei afta Me ajuda doutora eu to suspeito do HIV ? tô até hoje pesquisando essa coisa..

    1. dependendo do tempo da exposição em que tudo isso começou, pode não ter nenhuma relação com exposição.
      De todo jeito, você precisa ser avaliada pessoalmente por um médico infectologista para te examinar e pedir os exames necessários.

  68. Dra, fiz um exame de sangue (hemograma) durante minha suspeita de fase aguda: Leucócitos: 8000 (4000-12000)
    Linfócitos 1480 (1000-6000). Isso pode acontecer?

  69. Boa tarde doutora. Me esclarece uma dúvida por favor tive uma exposição de risco há uns 4 meses atrás. Fase aguda é uma minoria que apresenta? Quem apresenta sintomas desenvolvem anticorpos mais rápido de quem não tem sintoma? Fiz exame de 4 com 30 dias. Este rápido com 60/90. É de terceira geração de quimioluminescência com 110. Todos negativos. Na maioria dos casos já teria positivado?

  70. Doutora bom dia tive uma relação de risco há uns cinco meses atrás, meus testes o último com quatro meses 113 dias de terceira geração mais de laboratório não teste rápido veio negativo. Com uns 15 dias após a exposição só tive um aumento no pescoço no ponto de Adão fui no infectologista e ele me disse que poderia ser várias outros motivos além de HIV e disse que normalmente quando da eles seriam bem maiores. Ontem comecei a sentir dores nas pernas. Pode ser relacionado ao HIV?

    1. a não ser que tenha tido outra exposição mais recente, dificilmente você tem HIV, independente dos sintomas, mas pelo tempo da exposição e com exames sorológicos ainda negativos. SE quiser encerrar completamente a historia, faça um teste de 4ª geração agora ou repita esta de terceira com 180 dias após a exposição.
      Quanto aos seus sintomas, deve-se investigar outras causas junto ao seu médico.

  71. Se eu apresentar sintomas da fase aguda, eles só vão embora com a criação de anticorpos? O suficiente para positivar um exame de terceira geração??? Com 95 dias

  72. Dra. A partir de quando você pensa que a vacina mensal em substituição às pílulas diárias estará disponível no Brasil, sobretudo no SUS?
    Grato

  73. Boa tarde, eu tive comportamento de risco, com um índividuo que tem comportamentos desprotegidos( só vim a saber depois). Mesmo assim fiz uma toma perto no dia do Risco de 2 Truvadas. (amigo emprestou no dia a um Domingo, Na 3feira não tomei nada nem 4 feira. 5Feira fui até ao Hospital com uma Gonorreia Diagnosticada. A questão é, comecei a Fazer PPE ás 90h do Acidente. Mas no dia do Risco tomei Truvada, suspendi e retomei a medicação PPE. Neste 3 dias sem medicação existe ZERO Chances? 🙁

  74. Tive uma relação a 15 dias, e exatamente ontem dia 14 de dezembro acordei com um pouco de desconforto na garganta, mais sem dor de cabeça, sem febre, apenas o nariz escorrendo um pouco e a 1 semana apareceu uma micose entre os dedos do meu pé, só q eu ando muito descalço, só q na noite antes da minha garganta acontecer isso eu bebi e fumei alguns cigarros, posso ta infectado ? (lembrando q eu não tenho nenhum dos sitomas fora esses q eu citei)

  75. Tive uma relação de risco ,7 dias depois fiquei gripado ,pode ser a fase aguda ?se a pessoa pegar o vírus hj ,com guanto tempo ela pode transmitir o HIV ?

    1. Procurar um médico Infectologista para te avaliar pessoalmente e pedir os exames necessários. Estes sintomas inicialmente não têm relação com o vírus HIV mas realmente apenas após os devidos exames é possível dizer com certeza.

  76. DRa. Tenho duas perguntas:
    1. Os sintomas da fase aguda podem aparecer apenas 3 dias após a possivel exposiçao?

    2. Qual o risco de ter o dedo do parceiro penetrado no anus para contrari o hiv (por parte de quem recebe o dedo?).

  77. Coceira na garganta pode ser hiv? Sinto tontura também mas nunca senti dor em nenhuma parte do corpo nem cabeça e nunca inchou minhas inguas

  78. Bom dia ! Tive uma exposição de risco sexo anal insertivo no dia 19/12 a noite na sexta feira dia 22/12 tive febre, dor de garganta e muita tosse que persiste até hj. No sábado fiz um teste rápido da pessoal q foi positivo iniciei o coquetel tenho chances de escapar da infeção ?

  79. Bom dia Dra, deixei um rapaz fazer sexo oral em mim a exatos 15 dias e no dia estava com um quadro leve de candidíase, isso poderia aumentar o risco de infecção pelo hiv mesmo que receber sexo oral não seja considerada uma situação de risco? Estou com enjoos hoje.

  80. Dr Keilla , retificando os dois comentários acima , Dra Keilla , td bem ? Tive uma SR no dia 23.11.2017 e fiz testes hiv no dia 20.12.2017 , inclusive o teste NAT PCR HIV que deram todos negativos e de 4 geração com o P24, laboratório Imunolab… ….Tive no dia 21.12.2017 o início de uma virose bem leve … com alterações de temperatura … posso encerrar o caso ?

    1. se tem sintomas, vá ao infectologista e faça uma consulta pessoalmente para te avaliar e pedir os exames necessários.
      Com relação ao HIV, teste de 4 [ geração negativo feito em local de confiança a partis dos 90 dias após a última exposição de risco, exclui o caso.

  81. Dra . comecei os retrovirais a 2 dias e antes disso nunca tive febre dor de cabeça dor no corpo e agora estou tendo é normal esses sintomas principalmente a febre é a minha maior dúvida

  82. Boa noite,
    Tive uma relação oral sem preservativo, sem ejaculação, porém notei um pequeno corte na minha boca! Iniciei a pep com quase 60 horas após a exposição. Hoje estou no 5 dia da pep , e 7 dia da exposição. E sinto minha garganta inflamada. Pode ser um sintoma da fase aguda? As chances de contrair hiv no caso é realmente pequena? Obrigado

    1. Olá. A chance de transmissão do vírus através do sexo oral é baixa, mas ela existe. Sendo assim, não interrompa seu tratamento. Se o sintoma estiver persistindo, procure um médico infectologista para que possa avaliá-lo e solicitar os exames cabíveis.

  83. Quando pesquiso sobre Síndrome Retroviral Aguda aparecem dois artigos deste site. Em um deles é dito que é comum que o rash surja entre 48 e 72 hora após a exposição ao vírus enquanto no outro é dito que ele usualmente aparece dentro desse mesmo tempo mas após o início da febre (que supostamente costuma começar entre duas e quatro semanas após a infecção). As duas informações são válidas e é mesmo possível que alguém apresente um sintoma como rash ou foliculite tão cedo após o contato?

    1. Boa tarde. Os sintomas da infecção aguda pelo HIV não aparecem em tão pouco tempo após a infecção. Sintomas de fase aguda do HIV variam de acordo com cada pessoa, a maioria nem apresenta nenhum sintoma. O tempo que leva para os sintomas desaparecerem também varia de acordo com cada caso.

  84. tive um situacao de risco em julho 2017 sexo anal receptivo por 30 segundos e oral sem ejaculacao depois de algum tempo tive uma dorzinha de cabeca atraz da nuca e nos olhos fui no medico tava com a pressao alta,ai depois de 5 meses tive dores nas costas falta de ar e uma vez so diarreia isso foi por umas 2 horas ai passou ja se passaram 6 meses do risco ai agora pela ansiedade sinto tipo uns gases.pode ser sintomas fase aguda depois de tanto tempo.

  85. Boa noite. Depois de uma relação de risco Fiz o teste rápido com 19 dias e fiz o PCR com 22 dias, ambos negativos. O PCR negativo exclui a possibilidade de contaminação, pois vc disse na última parte do texto que poderia ser confirmado com exame de carga viral mas não deixou claro o tempo para isso. Não tive febre mas fiquei levemente resfriado e alguns sintomas leves como foliculite.

  86. Olá doutora, há mais ou menos 16 dias atrás fui a uma festa e beijei uma garota desconhecida, acabei tocando suas partes íntimas por cima da calcinha(estava úmida)… passado como 1 ou 2 minutos eu abri uma lata com a mesma mão e tomei, existe algum risco nesse caso? De colocar a boca na lata que eu abri com a mão que toquei a genital da garota? Pois há dois dias atrás me deu dor de garganta, já estou melhor, mas a neura bateu… Muito Obrigado! Abraço.

  87. Dra. Tive uma relação com uma garota de programa no dia 13/08/2017! Recebi sexo oral sem camisinha e tivemos relação vaginal com camisinha . Contudo, a noite desse dia tive febre, a qual se manifestou por uma semana, com rash. Após, tive sudorese noturna e calorões, que duraram até 62ª dia. Quando se passou 70 dias tive uma infecção na garganta, a qual se prolonga por 25 dias com secreção. Tive aftas, as quais desapareceram no período de 5 dias após o aparecimento. Teria relação com HIV??

  88. o uso da PEP os ARTs podem causar irritação na garganta? se não o fator de estresse psicologico pode ser a causa da irritação?

    1. Essa alteração pode ser apenas reação ao remédio. Contudo, toda pessoa em uso de PEP deve fazer o acompanhamento médico e fazer pelo menos 1 exame de sangue durante o tratamento para verificar se está ocorrendo alguma toxicidade relacionada ao remédio.

  89. Olà doutora. Tive uma relaçao de risco onde o preservativo estourou e logo efetuei a troca a 5 dias atras, no segundo dia começei a sentir dores no corpo e pequenas manchas que coçavam pouco e no mesmo dia sumiram, garganta inflamada leve , nao tive febre temperatura 36,7 no maximo. Hoje no 5 dia continuam os sintomas acima.

  90. Doutora sobre a duvida acima me deu duas aftas no 4 dia, a garganta nao chega a me impedir me alimentar e bem leve e lateja. A pessoa sempre faz exames e afirma nao ter tido nenhum sintoma e tem exames mensais comprovados. Pode ser algo somatizado que esteja gerando estes sintomas?

  91. Dra recebi sexo oral sem preservativo hoje faz 15 dias e estou com uma alergia que pinica coça e desaparece rapidamente depois volta quando penso no caso piora

    1. Olá, a saliva não é material contaminado. Por isso o contato com a boca não transmite o vírus HIV a menos que esteja com sangue. Saiba mais sobre o risco de cada exposição aqui: https://www.drakeillafreitas.com.br/risco-de-transmissao-do-hiv-de-acordo-a-exposicao/
      Em relação ao sintoma apresentado, sugiro que procure um médico infectologista de sua confiança para que possa te avaliar pessoalmente e solicitar os exames cabíveis.

  92. Olá doutora !
    1) Fiz um teste rápido num posto de saúde 52 dias após a exposição. Deu 1 risco e foi considerado (negativo). Porém, vi que 1 risco pode se referir a um único tipo de HIV e que eu poderia ter o vírus. Estou surtando ?
    2) há chance do teste não ser preciso para esse negativo que eu tive ?
    3) onde posso fazer o Elisa ?
    Obrigado !!

  93. Boa tarde doutora , tive uma relação com com camisinha com uma garota de programa mês de 13-09-2017 , fiz exame sorologia hiv1 e hiv2 método quimioluminescencia com 42 dias índice da amostra 0,42 não reagente e outro com 102 valor da amostra 0,53 não reagente , com esse resultado posso encerrar o caso ?

  94. contato dia 03 de julho ai em dezembro deu um pouco de falta de ar dores nas costas e uma vez so diarreia isso durante umas duas horas ai parou ai depois de 6 meses contando de julho deu gases sensacao de estufamento um pouco dor de cabeca e algumas feridinhas na pele e couro cabeludo ,mas tudo quando comecei pesquisar os sintomas e ficar desesperado pode ser pisicologico ou pode aparecer tipo depois de 5 meses e depois de novo com quase 7 meses esses sintomas>

    1. Boa tarde. Não consigo emitir um parecer se te examinar pessoalmente. Sugiro que procure um médico infectologista de sua confiança para que possa te avaliar pessoalmente e solicitar os exames cabíveis para seu caso.

  95. Olá Doutora! Comecei a tomar a PEP próximo das 72 horas após uma possível exposição. Ao final do tratamento tive sintomas semelhantes aos da SRA. Fiz o teste rápido 3 dias depois de terminar a PEP em um posto de saúde e lá me disseram que eu poderia ficar tranquilo com esse resultado negativo mas que eu deveria fazer a sorologia em um mês para respeitar a rotina do tratamento. Se os sintomas que eu tive estivessem relacionados a SRA, o teste já teria dado positivo ou não necessariamente?

    1. Bom dia. o teste rápico, de 3ª geração, pode positivar com até 180 dias após situação de risco. O uso da PEP não muda a janela do exame. Sendo assim, sugiro que faça o teste de 4ª geração, que é realizado em laboratório, com 90 dias após última exposição de risco (tempo máximo para positivar), para encerrar o caso.

  96. Ola Dra., antes de publicar minha duvida, quero parabeniza-la pelo espaço, onde muitos procuram respostas breve naquilo que afligem.
    Bom Dra, minha duvida é. Tive um contato com garota de programa, onde usei preservativo no sexo vaginal e recebi oral sem camisinha. Alem do mais, ela passou um tipo de óleo no ato oral (sabor morango, sei la).
    Alguns dias (uns 5 por ai), sentir desconforto nas 2 virilhas… nao consigo achar algum tipo de caroço p saber se é alguma íngua. Corro risco?

    1. Boa tarde. A saliva não é material contaminado. Por isso o contato com a boca não transmite o vírus HIV a menos que esteja com sangue. Saiba mais sobre o risco de cada exposição aqui: https://www.drakeillafreitas.com.br/risco-de-transmissao-do-hiv-de-acordo-a-exposicao/
      Em relação ao sintoma apresentado, sugiro que procure um médico infectologista para que possa te avaliar pessoalmente e solicitar os exames cabíveis para seu caso.

  97. Sexo oral sem camisinha e sem ejaculacao( mulher fazendo no homem) mulher com tpm e resfriado leve. 02 dia boca seca, candidíase vaginal, 03 ou 04 dia uma bolinha com pus na gengiva e menstruação. 05 dia médica gineco disse que a bolinha gengiva não era indicativo de doenca. 08 dia(suor ao acordar, levissima diarréia a tarde(intestino funcionando, normalmente e mais parado). As vzs espirros( tempo instável e ar condicionado). São sintomas de HIV? O que fazer? Exames somente daqui dois dias.

  98. Doutora, por favor peço que me ajude , após um exposição de risco realizei exames com 41,61,92 dias todos negativos de quarta geração, agora com quase 4 meses tenho um gânglio levemente inchado do lado direito do pescoço, os sintomas da ARS poderiam surgir tão tarde mesmo com o exames negativos? Imploro que me ajudei, o infectologista fica a quase 80 km, só fazer os exames já foi uma viagem longa

  99. doutura tive um contato de risco a 3 semanas, e agora estou com a garganta inflamada, tosse, e secreção, sintomas típicos de uma gripe ou resfriado, devo salientar que durante o carnaval, bebi muita coisa gelada e tomei chuva e tudo mais, esses sintomas podem identificar uma fase aguda, ou seria mais compatível com uma gripe normal? conversei com o parceiro e ele garantiu estar negativo.

    1. Bom dia. Não consigo emitir um parecer sem te examinar. se você teve uma situação de risco, é importante que faça uma consulta com um médico infectologista, mesmo sem apresentar qualquer sintoma, pois assim ele poderá te avaliar pessoalmente e solicitar os exames cabíveis para seu caso.

  100. Olá dra… Dra. Tive relações com uma menina do dia 15/01 a 19/01… Nesse período apareceu uns trem que doía MT na glande do meu pênis… Fui em uma médica e fiz o teste rápido deu negativo, ela falou q era cancro mole, porém não passou e voltei em outra médica… Essa segunda médica falou q era candidiase e me passsou alguns remédios e passou tudo. Após isso pedir a menina um exame d sangue e deu tudo negativo o dela… Porem durante um dia sentir dor d cabeça forte e vomitei

    1. Lembrando q essa dor de cabeça voltou… Suei uma noite por alguma horas e mais nada após… Não tive mais nenhum sintoma. Gostaria d saber se pode ser coisa da candidiase??? Pq meus exames e do menina deu tudo negativo

      Obrigado e aguardo

      1. Boa tarde. Eu não consigo emitir um parecer sem te examinar. Sugiro que procure um médico infectologista de sua confiança, junto com o histórico de exames, para que possa te analisar pessoalmente para confirmação ou não do diagnóstico.

  101. Bom dia dr. rash e erupacao cutanea por hiv é contagioso?pode ser transmitido o rash ou a erupcao pra outra pessoa?li num site que o ras por hiv nao é contagioso gostaria que me confirmasse por gentilieza.

  102. Boa noite Dra .
    Exame para HIV 3 geracao a 19 dias N reagente .Emane para HIV 4 geracao com 24 dias N reagente .
    Risco foi sexo oral sem preservativo e sem ejaculaçao .

    Pergunta Qual a probabilidade de eu fazef o teste apos 90 , como manda o protocolo e da positivo ?

    1. Detalhe o exame de 4 geracao eletroquimioluminescencia ele procura uma parte do Virus P24 . o que fiz com 24 dias ?

  103. Boa tarde Dra. Keilla,
    A 05 anos tive uma relação de risco, gostaria de saber por favor se caso tivesse contraído HIV, já teria sentido alguns sintomas? Tenho muita saúde, gripes fazem anos que não pego… Obrigada pela atenção, Deus abençoe! Bjs

    1. Boa tarde. sim, você já deveria ter apresentado algum sintoma. Caso ainda tenha dúvida, realize um teste, com esse tempo de exposição já excedeu a janela imunológica de qualquer tipo de teste.

  104. depois 6 meses do contato existem sintomas?tipo linfodenopatia generalizada axilas inchadas,algumas manchas no corpo dor de cabeca ,colicas abdominais.ou apos a fase aguda que sao nos primeiros meses so vai ter sintomas muitos anos depois gostaria que me exclarecesse essa duvida.

  105. Dra. Dia 11 de fevereiro mantive sexo oral sem ejaculação dos envolvidos.

    Agora depois de 20 dias tive acordei um dia um pouco cansado e no segundo dia levemente febril e com a garganta irritada, mas sem dor forte. Também apresentou tosse leve e secreção amarela (catarro)
    Nada de gânglios inchados, nada de pele ou rash.
    Suei uma noite e hj estou melhor. Os testes já podem detectar com certeza se há algo?

  106. Bom dia doutora , tive uma relação sem camisinha 28 de janeiro quando foi no dia 30 e 31 tive calafrio e suor noturno depois de uma semana tive pequenas manchas vermelhas no antebraço que sumiu rapidamente tão pequenas que tinha que sair procurando lentamente para achar e hoje estou com o nariz bastante entupido será que pode ser a fase aguda do hiv ? Obs : não tive febre , dor de garganta e nada mais .

    1. Bom dia. Não consigo emitir um parecer sem te examinar. Você precisa procurar um médico infectologista de sua confiança, para que possa te avaliar pessoalmente e solicitar os exames cabíveis para seu caso.

  107. Dra. eu tive uma relação sexual sem penetração, mas teve contato intimo do meu pênis na vagina da minha parceira. Duas semanas depois eu acordei com muita dor no corpo (até achei que fosse por causa de ter voltado a treinar na academia) mas ai tive febre e diarreia. O farmacêutico disse que é virose. Pode ser a fase aguda de hiv?

  108. Boa tarde Dra. . Gostaria de tirar uma dúvida.
    O emagrecimento na fase agudo , acontece por conta da diarréia e vômitos , ou acontece sem nenhum sintoma.? Pois Tive uma relação vaginal com preservativo, porem agora 2 semanas depois emagreci 2 kilos, porém apenas emagreci , não tive nenhum outro sintoma a não ser coriza nazal. Gostaria que tirasse minha duvida, isso esta tirando meu sono . Desde já obrigado

    1. Boa noite. Uma vez que houve exposição ao risco de se infectar você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, independente de ter sintomas ou não.

  109. Doutora tive faringite e me parecia ser rash(mas eram muito poucas as manchas vermelhas)
    Após 90 dias da relação sexual pode ser sintomas do HIV ?

  110. Dra. Tive comportamento de risco há 30 dias fiz teste action de 30 dias nos dias 26 e 30 dias os dois negativos, porém na 4 semana tive diarréia durante 3 dias seguido de prisão intestinal, tive gânglios lifonodos muito iinchados e grandes em apenas um lado do pescoço e na mandíbula perto da orelha q passou durante 4 dias mas doeram muito, tive falta de apetite e canseira porém estou passando por muito stress e no serviço e por essa condição não controlável que o pos relação sem proteçao

  111. Beijei uma pessoa e senti o gosto de sangue na minha boca, isso por volta do dia 14/12/2017. Quando foi no dia 12/02/2018 tive um surto de herpes( tenho já faz uns 7 anos) tomei o comprimido de aciclivir pela primeira vez, antes utilizada só pomada tópica. Porém comecei a ter diarreia durante uns 20 dias. Realizei um hemograma, algumas células de defesa estão muito baixa.. E apresentou linfócitos atípicos muito alto. Pode ser sinal de hiv?

    1. Agora no mês de março, já percebi afta na minha boca ( mais já tive outras vezes) e leve dores musculares. Isso pode ser sinal ainda de síndrome retroviral aguda?

      1. Boa tarde. Esses sintomas isolados não é considerado da fase aguda do HIV. Sugiro que procure um médico Infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis para o seu caso.

    2. Boa tarde. Beijo não é situação de risco para o HIV, pois a saliva não transmite o vírus, mesmo que com uma pequena quantidade de sangue (acredito que esse seja o caso). A saliva é considerado risco de transmissão do HIV em ambientes odontológicos, onde a quantidade de sangue é alta.
      Sugiro que procure um médico Infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis para o seu caso.

  112. Bom dia! Somente garganta irritada, sem febre e sem dificuldade de engolir após 15 dias da relação de risco pode ser SRA? Como estou ansiosa e nervosa, meu refluxo atacou, então não sei se a irritação é por causa do refluxo ou se já pode ser sintoma. Já posso fazer o teste com 20 dias após a relação?

    1. Boa tarde. O teste de 4ª geração normalmente se positiva com 14 a 20 dias da exposição, mas há casos de positivarem com até 90 dias (janela imunológica do teste). Uma vez que houve exposição ao risco de se infectar você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, independente de ter sintomas ou não.

  113. Se uma pessoa receber sêmen na mão,ejaculação, limpar com um pano e após 20 minutos mastubar outra pessoa há risco de contaminação (pra quem recebeu)

      1. Isso ocorreu comigo,uma prostituta masturbou uma pessoa e logo em seguida me masturbou, tô ficando doido, por mais que ela ” limpou” a mão com um pano.

  114. Dra. Tive relação sexual com camisinha, mas o oral foi desprotegida. Depois de 2 semanas, minha imunidade ficou baixa e começou aparecer bolinhas no meu pescoço, fui diagnosticado com Herpes zoster e estou sentido minha garganta inflamada devido imunidade baixa, e acabei identificando uma verruga parecida com o molusco que já esta murchando. Mas não tenho mas nenhum outros sintomas além desses que foram citados aí em cima, estou no grupo de risco?

  115. Ola Dra! Eu estou muuito nervosa e ja chorei muitoo! Pois tive um acidente de trabalho ( perfuração) no dia 25/3 no dia 27/03 e 28/03 minha garg ficou um pouco ruim e vermelha! Nao tive febre ! Mas no dia 26/03 eu tomei chuva! Mais fiquei muito nervosa desesperada sem saber oq fazer! Pode ser sintomas do hiv?????

    1. Bom dia. Uma vez que houve exposição ao risco de se infectar você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, independente de ter sintomas ou não.

  116. Ola, fiz sexo oral em um rapaz e ele ejaculou na minha boca… ele fez teste no cta de hiv com 75 dias apos e deu nao reagente, fiz teste de 4 geracao no laboratorio com 88 dias e deu nao reagente, dai ele fez o teste rapido novamente no cta com 109 dias e deu nao reagente denovo. Li que vc disse que se o teste do rapaz da nao reagente depois da exposicao comigo, nao teria como ele passar hiv para mim, mesmo que estivesse na janela imunologica… sendo assim posso ficar tranquila com isso?

  117. Boa noite Dra., minha mãe descobriu que tem hiv em outubro de 2017, após isso , surgiram varios linfomas grandes , os maiores : submandibular e o outro na axila, além disso dores fortes com dormencia na mão e ela está apresentando uma certa demencia e anda bastante devagar, esses sintomas são da aids ? os linfomas pode ser um cancer maligno ? ela fez uma punção e aguarda o resultado . Obrigada

  118. Doutora
    O caso que a sra. Informou de que a SRA do HIV surgiu apos 10 meses. Provavelmente fez o uso da PEP e de anti retrovirais, nao é?
    Atenciosamente

  119. Olá, boa noite Dra. Tive um acidente de trabalho com material perfurante com agulha de insulina. Fiz o teste Elisa 3 geração para hiv 1 e 2 com 30, 60 e 90 dias e deu negativo. Meu hemograma com 60 dias apresentou as células de defesas baixas ( exceto os leucocitos) e Linfocitos atípicos muito alto. E já com 90 dias fiz um novo hemograma todas as células de defesa normal, mais apareceu linfocitose relativa e absoluta com Linfocitos em 4128. Tenho alguma chance de está com hiv?

    1. O que faz diagnóstico de HIV não são as células CD4 ou qualquer outro linfócito. São os testes específicos diagnósticos para HIV. Com relação ao HIV, teste de 4 º geração negativo feito em local de confiança a partir dos 90 dias após a última exposição de risco, já exclui o caso.
      Se existem dúvidas sobre alterações de outros exames como os linfócitos, investigue isso especificamente com o seu infectologista de confiança.

  120. Dra boa noite. Tive duas relações uma Vaginal com preservativos e Outra ela me masturbou sem.preservativo ,.Depois de 38 dias senti uma coceira , ardencia e dor na região genital.Devido a essa janela.pode.ser alguma sintoma da infecção aguda.pelo.HIV? Esse sintoma com esse tempo de janela eh compatível com algum sintoma Hiv?

    1. Boa tarde. Não consigo emitir um parecer sem examiná-lo. Uma vez que houve exposição ao risco de se infectar você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, independente de ter sintomas ou não.

  121. Dra sai com uma garota de programa só sexo oral com preservativo mais antes esfreguei o pênis no genital dela si hora antes ela tivesse saído com outro homem e tivesse resíduos de esperma do outro parceiro dela na hora que eu esfreguei pode me contaminar

  122. Dr meu filho mordeu minha tia soropositiva e teve contato com o sangue dela.Depois disso apareceram varias inguas bem grande e candidiase oral ja faz 5 meses que isso aconteceu, até hj as inguas não. sumiram,tenho feito exames de 4g com 30,60,90,120,150 todos negativos e pcr quantitativa com 90 e 1 50 nao detectado…pelo fato dele ter 5 anos a janela é maior? Ainda tenho que fazer exames? Me ajude

    1. Bom dia. Com relação ao HIV, teste de 4 º geração negativo feito em local de confiança a partir dos 90 dias após a última exposição de risco, já exclui o caso.
      Com relação aos sintomas apresentados, sugiro que procure um médico Infectologista de sua confiança para avaliá-lo pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis para o caso em questão, em busca de outro possível diagnóstico.

  123. Dr mas em relaçao ao hiv posso ficar despreocupada ou ele ainda corre o risco de estar infectado e não ter aparecido nos exames? A senhora descartaria o hiv com essa janela de 150 dias e exames de 4 g? Confio muito na sua opiniao…Deus lhe abençoe

  124. Olá Doutora,
    Tive uma relação de risco, após 2 a 4 semanas apresentei nariz com secreção e dor de garganta. Porém sempre tenho sinusite e rinite durante a vida.
    Tenho esofagite e refluxo as vezes tb. Fiz o teste rápido depois de 33 dias e 47 dias a exposição e deu não reagente. Porém essa semana minha boca apareceu com aftas e uma gengivite. Pode ser algo em relação ao HIV?

    1. Bom dia. Não consigo emitir um parecer sem te examinar. Sugiro que procure um médico Infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis para o seu caso.
      Para descartar completamente a possibilidade de Infecção do HIV deve ser realizado um exame de 4ª geração em local confiável após 90 dias da última exposição ao risco.

  125. Boa tarde Dra. Os sintomas da fase aguda do HIV podem iniciar 4 a dias após suposta contaminação? E com relação ao hemograma, no auge da fase aguda, ocorrem alterações nas células? Obrigado

    1. Boa tarde Dra. Os sintomas da fase aguda do HIV podem iniciar 4 a5 dias após suposta contaminação? E com relação ao hemograma, no auge da fase aguda, ocorrem alterações nas células? Obrigado

      1. Boa tarde. Dificilmente, pois é muito cedo. a não ser que tenha existido outra exposição de risco de 2 a 4 semanas antes do aparecimento dos sintomas. Procure um médico infectologista para te avaliar pessoalmente.

    2. Boa tarde. Os sintomas da infecção aguda pelo HIV não aparecem em tão pouco tempo após a infecção. Sintomas de fase aguda do HIV variam de acordo com cada pessoa, a maioria nem apresenta nenhum sintoma. O tempo que leva para os sintomas desaparecerem também varia de acordo com cada caso.
      Uma vez que houve exposição ao risco de se infectar você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, independente de ter sintomas ou não.

    1. Boa tarde. Os sintomas de fase aguda do HIV variam de acordo com cada pessoa, a maioria nem apresenta nenhum sintoma.
      O tempo em que leva para os sintomas desaparecerem também varia de acordo com cada caso.
      Na dúvida, procure um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar os exames cabíveis e tomar as medidas necessárias para o seu caso.

    1. Boa tarde. Os sintomas de fase aguda do HIV variam de acordo com cada pessoa, a maioria nem apresenta nenhum sintoma.
      O tempo em que leva para os sintomas desaparecerem também varia de acordo com cada caso.

    1. Bom dia. O hemograma ajuda a avaliar as mudanças quantitativas e morfológicas dos elementos do sangue. É possível observar infecções decorridas por bactérias pelo aumento dos leucócitos (que são as células de defesa orgânica).Processos virais – entre eles o HIV – os leucócitos se apresentam de forma reduzida. Entretanto, não é toda diminuição de leucócitos que significa que o paciente apresenta alguma doença viral ou o HIV.

      Uma vez que houve exposição ao risco de se infectar você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, independente de ter sintomas ou não.

  126. Olá doutora,
    Faz 39 dias e tive uma relação com uma garota. Usei camisinha, porém introduzi meus dedos na vagina da menina (como unha e às vezes tem alguns machucados) porém não me lembro como estava naquele dia. 39 dias depois, tive febre e dor de cabeça, agr tive pequenas manchas bem leves espalhadas pelos braços que não coçam e nas mãos tive ardor e manchas vermelhas que pararam de doer e coçar, mas ainda estão ali. Tive tbm machucados no nariz que parecem impetilo.

    1. Boa tarde. Uma vez que houve exposição ao risco de se infectar você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, independente de ter sintomas ou não.

  127. Fiz uma exame de sangue bem no meio da suposta “fase aguda” pois estava com muitos sintomas. Entretanto, meu hemograma deu tudo normal (linfócitos 25% e leucócitos 6000) é possível que esteja contaminado por HIV ? Se estou na fase aguda, os leucócitos e linfócitos não eram pra estarem baixos ? Obrigado !!!

  128. O exame de farmácia ( marca Action) é confiável para um período de 42 dias de exposição? Na bula diz 30 dias já está ok. Obrigado !!

    1. Boa tarde. Você precisa verificar qual a geração do teste e ter certeza de que foi realizado da maneira correta. Os testes de 4ª geração (que identificam anticorpos e antígenos) positivam com 14 a 20 dias após contato com o vírus, mas há casos de positivação tardia, com no máximo 90 dias. Já os testes de 3ª geração (que identificam somente anticorpos) positivam com 20 a 30 dias após contato, mas podem levar até 180 dias da última exposição.
      Para descartar completamente a possibilidade de Infecção do HIV deve ser realizado um exame de 4ª geração em local confiável após 90 dias da última exposição ao risco.

  129. Olá Dra. fiz uma massagem tantrica. O massagista tbm estava nú, em alguns momentos ele pode ter passado o penis dele sobre o meu. Estive em uma situaçao de risco? Não houve excitaçao dele, então nao consigo afirmar se saiu alguma secreçao.

  130. Boa tarde, doutora
    Fiz exame na Unimed (quimioluminescência, é de que geração ?) com 46 dias de exposição e deu negativo. Sei que o período de janela imunológica é de 90 dias, porém isso já pode dar uma certa tranquilidade ? Tive sintomas 1 semana antes do exame de laboratório, se fosse HIV aguda, o exame apontaria ? Sou homem 21 anos e sempre fui bem saudável, meu corpo já poderia ter criado anticorpos anti HIV ? Muito obrigado !!!

    1. Boa noite. O teste de 4ª geração são aqueles que IDENTIFICAM anticorpos da pessoa contra o vírus que estão presentes no sangue e proteínas virais como o p24. Este teste normalmente se positiva com 14 a 20 dias após a exposição, mas há casos de soroconversão tardia com no máximo 90 dias após a exposição.
      Se os sintomas fossem da fase aguda, o teste já se mostraria como positivo.
      Uma vez que houve exposição ao risco de se infectar você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, independente de ter sintomas ou não.

  131. Tive uma relação de risco a 45 dias, 14 duas após o risco fiz o teste de 4 geração p24(não reagente), não tive nenhum sintoma, porem a ansiedade me perturba. Posso fazer o exame com 60 dias e encerrar o caso? Ou precisarei aguardar os 90?

  132. Oi posso pegar hiv mesmo com camisinha? O vírus atravessa o preservativo? E se a camisinha não cobrir a base do penis? Posso pegar hiv?

  133. Boa noite tive uma relação com uma mulher sem preservativo e agora sinto uma dor estranha no abdômen não sei se foi isso porque na mesma semana como uma feijoada que me fez mau e fui parar no hospital o médico me receitou um anti flamatorio não sei se estou com alguma bactérias mas essa dor é contante principalmente quando estou com fome estou preocupado achando que a mulher estava contagiada e não me falou nada

    1. Bom dia. Uma vez que houve exposição ao risco de se infectar você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, independente de ter sintomas ou não.

    1. Se isso ocorreu imediatamente, a quantidade de secreção vaginal era grande e a mão foi passada por dentro da boca (mucosa oral) o risco é baixo. Se não foram cumpridas estas 3 coisas , não tem risco.

  134. Oi Dra, primeiramente parabéns pelo trabalho e obrigado por esclarecer nossas dúvidas.
    Entao: tive comportamento de risco e sintomas logo em seguida parecidos com os do Hiv recente. Dor de garganta, dor de cabeça, urticária. Fiz exames de 4 geração com 11 dias depois dos sintomas começarem. Mesmo se estiver fora do tempo de janela para fazer o exame, tendo essas reações, os exames ja detectariam o vírus?

  135. Estou tomando a PeP porque na pré liminar tive contato sem preservativo com uma menina, porém foi rápida a inserção, depois disso usei a camisinha normalmente.Durante a PeP tive um contato com uma outra menina com preservativo , porém 4 dias antes havia me cortado com barbeador no dedo e ao tirar a camisinha , meu dedo tocou no sangue dela que melou o preservativo, lavei imediatamente, corro risco? Hoje vou repetir o exame 32 dias depois ou melhor aguardar mais?

  136. Olá doutora!
    Parabéns pelo ótimo trabalho e pela paciência em responder as perguntas aqui realizadas.

    Tenho apenas um questionamento: tive uma relação desprotegida há 6 meses e sofri muitos sintomas relacionados como mialgia, cefaléia, nódulos atrás da orelha e aparentemente um quadro de foliculite. Fiz um exame 90 dias depois do contato e deu negativo. Pela sua experiência, existem outras doenças que ocasionam os mesmos sintomas da fase aguda? NENHUM médico daqui descobriu o que tive.

    1. Para descartar completamente a possibilidade de Infecção do HIV deve ser realizado um exame de 4ª geração em local confiável após 90 dias da última exposição ao risco.
      Se você ainda apresenta sintomas, sugiro que procure um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e pedir os exames pertinentes.

  137. Boa tarde, vejo a Dra falar em 90 dias em local confiável, o teste rápido feito nos CTAs são confiáveis? Ou o Ministério da Saúde liberaria um paciente com HIV pra infectar outras pessoas?

  138. A janela imunológica segundo o Ministério da Saúde é de 30 dias, fiz um teste rápido após no final de uma relação o preservativo ficar dentro da GP, não sei se tive contato com secreção dela, fiz o teste rápido 5 meses depois, me garantiram que posso encerrar o caso. Posso mesmo?

  139. Doutora, a senhora disse que leucograma não ajuda na indentificação de HIV né. Mas numa situação hipotética em que se tenha passado 10 anos do contato de risco e os leucocitos estiverem altos é possível descartar HIV não?

    Enfim queria saber se uma gripe/amigdalite recente ou HIV podem fazer o resultado dos leucócitos ficarem altos? Tive febre, dor de garganta e enquanto ainda melhoro da dor fiz exame e deu 12,200 leucócitos e linfócitos levemente altos tbm. Pode ser o corpo reagindo aoHIV?

  140. Bom dia dra obrigado pelo site e pela ajuda prestada. As minhas duvidas sao masturbação homem com homem em que eu masturbo outro penis e depois agarro meu penis com a mao com liquido ejaculatorio e risco pra transmissão do hiv?. Fiz um teste 4geraçao com 18 dias nao reagente nesta altura andei mei constipadio e fiz outro combinado de elisa e acidos núcleios com 35dias ambos negativos. Agora com 2 meses e mrio tenho foliculite e ando com a pele meia seca sera sintomas do hiv?posso descansar

  141. dia dra e obrigado. As minhas duvidas sao . Estive com um homem e so houve masturbação. Eu peguei no penis dele e dpois agarrei o meu com as maos com liquido pré ejaculatorio ha risco de transmissão?fiz um tes geraçao 18 dias depois negativo nesta fase tive doree garganta tosse e uma afta na boca. Depois fiz um eliasa acompanha de um teste de acidos nucleios ambos negativos .agora com 2 mese e meio estou com fuluculite e pel seca . Serai sintomas do hiv ?devo preocupar com o hiv me aj pf

  142. Tive relação anal (usei preservativo) com uma garota de programa, ela não tinha lubrificante mas tirou um produto de embalagem preta da bolsa, e passou sobre a camisinha, era de cor Branca, acho que era creme hidratante, descobri que ela tinha hiv, devo me preocupar? Será que fui contaminado?

  143. Oi Keilla, iniciei PEP em 29 de abril e há três dias atrás, apareceu tres carocinhos vermelhos mais sutis que parecem alergia na virilha – esse eu estorei e não sei se foi isso que fez surgiu os outros dois em uma das coxas abaixo das nádegas. Me lembram inguas e ou furunculos, mas nao tenho certeza. Poderia me ajudar? Posso te enviar fotos tb se achar necessário.

  144. Bom dia dra obrigado pelo site e pela ajuda prestada. As minhas duvidas sao masturbação homem com homem em que eu masturbo outro penis e depois agarro meu penis com a mao com liquido ejaculatorio e risco pra transmissão do hiv?. Fiz um teste 4geraçao com 18 dias nao reagente nesta altura andei mei constipadio e fiz outro combinado de elisa e acidos núcleios com 35dias ambos negativos. Agora com 2 meses e mrio tenho foliculite e ando com a pele meia seca sera sintomas do hiv?posso descansar

  145. Me responda por favor doutora . Sera que esses sintomas estão relacionados como hiv mesmo de pois de eu ter feito o teste de acidos nucleicos e a situação e de risco ? Por favor me responda

  146. Tive relação anal (usei preservativo) com uma garota de programa, ela não tinha lubrificante mas tirou um produto de embalagem preta da bolsa, e passou sobre a camisinha, era de cor Branca, acho que era creme hidratante, descobri que ela tinha hiv, devo me preocupar? Será que fuii contaminado?

  147. tive uma relação sexual com uma travesti (sexo anal) ela dissi que nao tinha hiv, e ate perguntou se eu tinha, mais nao tenho certeza que ela me dissi a verdade, ou se ela tem mais não sabe, Bom por causa disso eu coloquei a camisinha, corretamente claro, o problema é que ela passou um creme Branco para lubrificar, não sei oque era, tinha uma embalagem preta, e esses dias descobri que cremes e óleos danifica a camisinha, então será que peguei hiv? Bom a base ficou descoberta um pouco.

  148. Bom dia dra obrigado pelo site e pela ajuda prestada. As minhas duvidas sao masturbação homem com homem em que eu masturbo outro penis e depois agarro meu penis com a mao com liquido ejaculatorio e risco pra transmissão do hiv?. Fiz um teste 4geraçao com 18 dias nao reagente nesta altura andei mei constipadio e fiz outro combinado de elisa e acidos núcleios com 35dias ambos negativos. Agora com 2 meses e mrio tenho foliculite e ando com a pele meia seca sera sintomas do hiv?posso

  149. Doutora. Entrei em um contato de risco há exatamente 29 dias. Fiz sexo oral ativo desprotegido SEM EJACULAÇÃO em um profissional do sexo que não sei se é soropositivo. Iniciei a PEP com menos de 12 horas do contato. Segui todo o procedimento. Sou diabético e tenho sentido um gosto de sangue na boca e uns sintomas de gripe. Estou esperando os 30 dias para fazer o primeiro teste em um laboratório. Estou em risco? Obrigado!

  150. Doutora, tudo bem? Tive uma relação anal passiva, não tenho ctz se utilizei preservativo (álcool em excesso) na ocasião achava que sim.
    6° dia dor nas costas
    7 dia sintomas de gripe, dor forte na nuca, mal estar, cansaço, pressão no ouvido, garganta incomodando. Duraram uma semana, um pouco mais. Lonfonodulo levemente inchados.
    13 dia diarreia 2x
    14 dia sodorese noturna, febre. Língua esbranquiçada.
    Dores espalhadas pelo corpo.
    Perda de peso.

  151. 19 dia Lesão no penis, tipo como se a primeira pele tivesse saído, ficou um pouco vermelha e úmida, dois dias começou a cicatrizar
    Estou com crise de ansiedade
    Fiz teste de farmácia Action no 11° e 15° dias. Ambos não reagente
    No 17° dia Fiz teste 4 geracao, hiv 1 e 2 + p24, RNA CARGA VIRAL – RT PCR REAL TIME e Western Bloot. Todos não reagente ou Indetectável.
    No 17° dia se estivesse contaminado a carga viral deveria ser detectável? E os demais testes?
    Posso acalmar com esses resultados?

  152. Doutora, o rash da infecção aguda é igual a úrticária? Esses dias tá sempre me aparecendo UMA bolinha que coça e parece picada de pernilongo. Sempre apenas uma,(por enquanto) e aí depois de meia hora some e aí depois de um dia ou menos aparece em outro lugar. Apareceu já no meu bíceps, no meu antebraço, na minha testa, e na minha bochecha. Pelas fotos que pesquisei tá com cara de urticária mas tô com medo que seja o rash do HIV.

      1. Ola doutora tenho algumas duvidas!
        Recebi sexo oral com camisinha de uma trans de progama, se a camisinha estivesse furada poderia pegar hiv ou se a camisinha nao descer ate a base do penis corro risco??
        E outra duvida o ato de usar a saliva pra lubrificar o penis pode passar hiv (e se houver gengivite ou algum corte na boca e a saliva da mesma for usada corro risco)?

        1. Exposição de risco é aquela onde ocorre contato de material contaminado com o organismo com o organismo viável (ou seja, infectante), seja por ferida aberta, penetração de material contaminado pela pele ou contato direto com mucosa.

          Uma vez que houve exposição ao risco de se infectar você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, independente de ter sintomas ou não.

  153. Doutora, boa tarde. Uma duvida: na infecção aguda, costuma acusar alguma alteração no exame VHS (hemossedimentação)? Ou mesmo com a infecção agora de HIV esse exame pode aparecer sem alterações?

    Muito obrigado.

    1. Depende muito, o próprio vírus HIV pode causar inflamações no corpo e isso pode alterar os exames. por outro lado as alterações de uma infecção aguda ou uma doença auto-imune em atividade por exemplo, causa alterações muito maiores que as causadas pelo HIV ou outras situações cronicas.
      Estes exames se alteram facilmente com varias patologias. APENAS o médico a partir de uma avaliação minuciosa da pessoa PESSOALMENTE e avaliando outros exames é capaz de interpretar o significado desses resultados.

      1. Certo. Mas se o exame de VHS veio normal, ja que vc disse que ele se altera muito facilmente, poderia-se então descartar infecção aguda de HIV?

        Muito obrigado

  154. Bom dia Dra, recebi sexo oral de uma garota, minha unica situação de risco, no 10º dia tive calafrios e depois febre 39 somente na manha e não tive mais febre, ai tive mal estar dor de cabeça sera que corro algum risco de ser hiv?

  155. Dra
    10 dias após exposição de risco é cedo para sintomas da fase aguda? Estou com bronquite, coriza, febre alta garganta inflamada
    Há uns três dias tive exposição ao frio gelado sem agasalho.

    Obrigado

  156. Faz 2 meses fiz sexo sen camisinha e ta com uma semana que sinto febre leve febre que vai e volta dor nos ombros na nuca e uma forte queimacao nas costas também sent um.pouco de cansaço e dor nas articulações

  157. Dr. Tive relações sexuais com uma mulher que não é de confiança a 35 dias .. há mais de 2 semanas que estou com tosse Seca, apresentei diarreia por um mês, meu couro cabeludo deu coceira e pequenas manchas após o corte de cabelo, sinto enjoo, meu nariz apresentou um pequeno sangramento, bem insignificante, Tomei algumas medicações na farmácia, e melhorei apenas um dia a tosse, Fiz o teste rapido fornecido pelo sus e deu negativo, qual o percentual de certividade desse teste durante sintomas?

  158. Dra fiz sexo oral desprotegido e nem houve ejaculação há duas semanas atrás, hj começa a terceira semana, apareceu umas bolinhas vermelhas nas minhas costas, estou com um pouco de fadiga mesmo sem esforço fisico, dor nas articulações, diarréia, falta de apetite, mas não tive febre, as bolinhas aparecem sem febre também? são sintomas que devo me preocupar? Estou muito nervoso, não sei se isso pode ser psicológico também, o que vc acha?

    1. os sintomas de infecção aguda do HIV são bastante inespecíficos e muitos nem tem sintomas. No caso de exposição ao risco o ideal é procurar um médico infectologista de confiança e fazer todos os exames pertinentes. Na presença de qualquer sintoma, o médico também precisará avaliar os sintomas e pedir os exames cabíveis.

  159. Durante a fase aguda o HIV pode produzir reação cruzada no exame de anticorpos de dengue (IgM), acarretando falso-positivo?

    1. Desconheço reação cruzada entre estas duas infecções especificamente. Mas existem várias causas que poem alterar o exame inicial da dengue e em caso de IgM positivo e IgG negativo, um novo exame deve ser repetido posteriormente, para verificar a viragem sorológica do IgG confirmando a infecção pela dengue

  160. barriga roncado aftas indolores nos labios nervo pulando em varias partes do corpo fincada no ouvido e olhos secrecao no penis de cor branca nao tenho manchas no corpo mas minha barriga fica roncando e tenho um incomoo na garganta desde dezembro posso ter HIv

  161. Olá Dra, tudo bem? Estou com uma tosse que para quando durmo e volta quando acordo, a tosse da fase aguda tem tal característica?

  162. Tive uma exposição, fui ativo num sexo anal que durou 1min, isso foi no dia 16/03/18. Não ejaculei dentro do anus.
    17 dias depois da exposição tive dor de garganta que durou 5 dias. Fiz um teste rápido com 40 dias e deu negativo. Durante o mês de maio, entre 50 e 75 dias da exposição senti que minhas fezes estavam moles, sendo que pelo dia 70 depois da exposição tive diarreia forte por três dias. Essa diarreia é característica de fase aguda? Preciso fazer outro teste?

    1. Para descartar completamente a possibilidade de Infecção do HIV deve ser realizado um exame de 4ª geração em local confiável após 90 dias da última exposição ao risco.
      Mediante uma exposição ao risco de se infectar, você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, não apenas os de HIV mas o de todas as demais infecções sexualmente transmissíveis e que podem ser transmitidas da mesma forma que o HIV, independente de ter sintomas ou não.

  163. Dra. tive uma exposição de risco com uma garota de programa (Não sei se ela e soropositiva ou nao), no dia seguinte tive perda de apetite, suor noturno no primeiro dia e uma pequena irritação na garganta ao engolir mais não chega a dor, e uma fraqueza e indisposição que estou até hoje, apos 5 dias tive inicio de febre e pequena diarreia, pesquisei em alguns site que falou que o sintomas pode aparecer em até 3 dias, será se isso é verdade?
    Será se estou desenvolvendo a fase aguda do HIV?

    1. Como explicado no texto, os sintomas da fase aguda normalmente aparecem com 2 a 4 semanas.
      Ná dúvida se houve exposição ou não, ou mediante a certeza de uma exposição ao risco de se infectar, você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, não apenas os de HIV mas o de todas as demais infecções sexualmente transmissíveis e que podem ser transmitidas da mesma forma que o HIV, independente de ter sintomas ou não.

  164. Ola. Tive uma exposição de risco e realizei um exame aos 22 dias de exposição depois de ficar preocupado e procurar sobre o hiv e vi os sintomas. Aí tudo que era sintoma, parecia está ligado a essa infecção. Gânglios, diarreia, sensibilidade no couro cabeludo! E até hoje estou preocupado! (Rir pra não chorar). A minha dúvida é a seguinte, nesse primeiro exame deu negativo. Quando já se sente esses sintomas qual a probalidade de ter dado negativo? levando em consideração a janela inmunológica!

    1. Boa noite. Se esses sintomas já fossem a manifestação do HIV, o exame já teria positivado. No entanto, para descartar completamente a possibilidade de Infecção do HIV deve ser realizado um exame de 4ª geração em local confiável após 90 dias da última exposição ao risco.
      Você precisa se consultar com um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e pedir os exames necessários.

  165. Boa tarde, Dra! Estou fazendo uso de PrEp e tive uma exposição de risco com um rapaz soropositivo indetectável, mas por outros motivos essas exposições de risco não vão mais acontecer, devo tomar a PrEp por 30 dias após a última exposição ou devo tomar mais dias? Outra dúvida é se mesmo tomando PrEp e ele estando indetectável posso ter me contaminado? Qual exame posso fazer?

  166. Olá Dra.
    Esses sintomas podem surgir no 4 ou 5° dia após a exposição de risco? Li em alguns sites q falam de 5 a 30 dias, outros como de 2 a 4 semanas.

    Obrigado e parabéns pelo trabalho.

    1. Mediante uma exposição ao risco de se infectar, você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, não apenas os de HIV mas o de todas as demais infecções sexualmente transmissíveis e que podem ser transmitidas da mesma forma que o HIV, independente de ter sintomas ou não.

  167. Boa noite. Dr tive uma relação de risco dia 2 desse mes. Houve so o oral e ejaculação porém eu tinha uma pequeno corte no canto do dedo, onde bateu o sêmen.o sêmen não foi na boca apenas na mão, não tive nenhum sintoma só agora que sinto coceiras pelo corpo mas não vejo nenhuma mancha.Fiz teste dia 28 agr e deu negativo. Posso confiar nesse resultado ou o tempo foi curto? Não sei a sorologia da pessoa. Aguardo sua resposta. Grande abraço

  168. tive relacionamento a 2 anos sem preservativo mais eu trabalahava em um almoxerifado de lavanderia de hospital com produtos quimicos de lavanderia com cheiro muito forte minha chefe vivia falando para eu sair da sala mais continuei dai começou a me dar riniti e passou para sinuzite tive uma febre de 37,7 mais durou um dia sou diabético e não tenho visicula dai depois de 6 meses fui fazer um teste de glicemia o enfermeiro furou o dedo depois de aferir a minha glicose tive que fazer todos os teste

  169. Doutora é possível desenvolver os sintomas após 5 dias da relação? recebi sexo oral sem camisinha e fiz o restante da relação com camisinha, com uma garota de programa. Estou com dor de garganta e mal estar com 5 dias.
    Obrigado

  170. Olá, acredito que me expus a um risco há mais ou menos três semanas. Eu fui o passivo e em alguns momentos o parceiro, sorologia desconhecida, encostou o pênis no meu ânus, porém sem penetração, o pênis dele soltava muito líquido pré ejaculatório. Com exatas três semanas eu tive um mal estar com temperatura axilar em torno de 37.,8°C. Minha dúvida é: pode ser a síndrome retroviral aguda com esse tipo de exposição?
    Desde já, grato e aguardando retorno.

    1. Ná dúvida se houve exposição ou não, ou mediante a certeza de uma exposição ao risco de se infectar, você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, não apenas os de HIV mas o de todas as demais infecções sexualmente transmissíveis e que podem ser transmitidas da mesma forma que o HIV, independente de ter sintomas ou não.

  171. Dr. Keilla… apresentei todos os sintomas da síndrome retroviral aguda, mantive relações de risco, e o exame CMIA deu positivo. Estou no aguardo do exame confirmatório de Wester Bolt. Mas já não tenho esperanças. Sobre o pico de transmissão… quando ele ocorre? é possível transmitir se houver uma relação sem orgasmo, aonde o pênis foi rapidamente penetrado? e qual o período entre o contágio e a síndrome retroviral aguda? de 2 a 4 semanas, ou pode chegar a 6 semanas?

Deixe uma resposta


*Os comentários são limitados a 500 letras. Obrigada.

Top