Você está aqui
Home > Posts tagged "Infectologista Dra Keilla Freitas"

Eritema Nodoso

Eritema nodoso Características Nódulos são não ulcerados, Levemente elevados Mede de 2 a 5 cm de diâmetro Coloração pode ser vermelha, castanha avermelhada ou roxas Imóveis Não aderidos a planos profundos Geralmente são dolorosas, principalmente a palpação Localização mais comum é na canela, bilateralmente. Mas pode aparecer em outras áreas, como

HIV e câncer anal

HIV e câncer anal A incidência de câncer anal na população em geral é baixa ( menos de 2 casos por 100.000 pessoas por ano) No entanto, este número tem aumentado ao longo dos anos em várias partes do mundo. Porque os casos de câncer anal no mundo estão aumentando? Inicio precoce da

Estudo Sobre PrEP Injetável Chega a São Paulo

PrEP Injetável

Estudo sobre PrEP injetável chega a São Paulo - Medicação injetável para prevenção do HIV. Estudo sobre PrEP injetável chega a São Paulo Estudo sobre Profilaxia Pré-exposição ao HIV – PrEP injetável chega a São Paulo Uma das formas disponíveis de prevenção contra o vírus o HIV atualmente, é a Profilaxia Pré-exposição ao

Descoberta Nova Mutação Genética Resistente ao HIV

Descoberta Nova Mutação Genética Resistente ao HIV

Descoberta Nova Mutação Genética Resistente ao HIV: Mutação genética resistente ao HIV Nova mutação genética descoberta permite imunidade natural da pessoa ao Vírus do HIV Descoberta Nova Mutação Genética Resistente ao HIV O gene Transportina 3 (TNPO3) tem sido descrito como uma peça importante na infecção pelo vírus HIV Em 2013 uma mutação neste

Parvovírus B 19

Parvovírus B 19 pode é um vírus da família Parvoviridae e gênero eritrovírus É um vírus bastante comum em todo o mundo. De 5 a 10% de crianças entre 2 e 5 anos já tiveram contato. esta prevalência vai subindo ao longo dos anos chegando a 60% em pessoas com 30 anos de

Eritema Infeccioso

O Eritema infeccioso é um exantema febril. Doença infecciosa viral, causada pelo Parvovírus B 19 Transmissão Contato direto com secreções respiratórias de pessoa a pessoa. Contato indireto por fômites infectados Transmissão vertical (de mãe para filho durante a gestação) Transfusão de sangue e seus derivados Período de transmissão A transmissão começa a partir

vacina tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola)

vacina tríplice viral

A vacina tríplice viral é de vírus vivo atenuado (enfraquecido). Ela é conjugada, ou seja, existem vários vírus na mesma vacina: Vacina tríplice viral (protege contra o sarampo, caxumba e rubéola) – SCR; Vacina tetra viral (protege contra o sarampo, caxumba, rubéola e varicela) – SCR-V. Vacinação de Rotina Crianças entre 12 meses

Rubéola: conheça a doença

Rubeola

Rubéola é uma doença infecciosa aguda viral exantemática febril causada pelo vírus Rubivírus Transmissão Contato direto com secreções nasofaríngeas de pessoas infectadas (transmissão por aerossol) De mãe para filho durante a gestação (Rubéola Congênita) Período de transmissibilidade A pessoa começa a transmitir o vírus de uma a duas semanas ANTES do inicio dos sintomas Após

Aumento dos Casos de Sarampo

Sarampo Capa Saiba Mais

Sarampo O Sarampo é uma doença viral que causa sintomas como febre, mal estar e erupções na pele, podendo ser muito grave, especialmente em crianças menores de 2 anos de idade. Este vírus existe em todo o mundo, e circula mais entre final do inverno e o início da primavera. Em países

Top