Você está aqui
Home > Vídeos > HIV > Em quanto tempo a AIDS se desenvolve?

Em quanto tempo a AIDS se desenvolve?

Em quanto tempo a AIDS se desenvolve
Compartilhe
  • 12
    Shares

Em quanto tempo a AIDS se desenvolve?

Em quanto tempo a AIDS se desenvolve:

O tempo em que a infecção pelo vírus do HIV leva para chegar à fase AIDS varia de pessoa para pessoa.

Pode ser tão rápido quanto 1 ano ou demorar mais de 10 anos para ocorrer.

Vale lembrar que a pessoa pode já estar na fase AIDS e não apresentar nenhum sintoma da doença.
Ela também pode não apresentar nenhum sintoma e já estar na fase AIDS.

Não é possível sabermos o tempo da infecção apenas pelos exames de sangue da pessoa, contudo algumas situações podem nos fazer pensar na presença dela:

  • Alterações de pele
  • Infecções bacterianas graves múltiplas ou de repetição (Exemplos: Sepse por Salmonella recorrente, Pneumonia bacteriana recorrente)
  • Diarreia crônica
  • Neoplasias (cânceres)
  • Infecções Oportunistas – IO’s (Sintomas relacionados de acordo ao agente e ao local do corpo acometido)
  • Caquexia
  • Lipodistrofia 
  • Diarreia crônica

Diarreia = mudança da consistência (pastosas, líquidas) ou aumento da frequência das evacuações (3 vezes ou mais em 24 horas)

  • Diarreia crônica = Diarreia com mais de 30 dias de duração

As causas de diarreia crônica associadas a AIDS são basicamente:

  • Infecciosas (Exemplos : Citomegalovirus, Herpes Simples, SalmonellaYersiniaShigella, Campylobacter, Histoplasma, Tuberculose, Cryptosporidium, MAC, Isospora, Clostridium, ou Microsporidiu)
  • Neoplásicas (Exemplos: Sarcoma de Kaposi no intestino, Linfoma intestinal)
  • Medicamentosas (Exemplos: antirretrovirais)
  • Síndrome de má absorção
  • Deficiência de Zinco

Em quanto tempo a AIDS se desenvolve?


Compartilhe
  • 12
    Shares
CRM-SP 161.392 RQE 55.156-Residência médica em Infectologia pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) com complementação especializada em Controle de Infecção Hospitalar pela USP (Universidade de São Paulo); Pós-Graduação em Medicina Intensiva pela Universidade Gama Filho; Graduação em Medicina pela ELAM, com diploma revalidado por prova de processo público pela UFMT (Universidade Federal do Mato Grosso); Experiência no controle e prevenção de infecção hospitalar com equipe multidisciplinar no ajustamento antimicrobiano, taxa de infecção do hospital e infectologia em geral, atendendo pacientes internados e com exposição ao risco de infecção hospitalar; Vivência em serviço de controle de infecção hospitalar, interconsulta de pacientes cardiológicos e imunossuprimidos pós-transplante cardíaco no InCor (Instituto do Coração) ; Gerenciamento do atendimento prestado aos pacientes internados em quartos e enfermarias, portadoras de doenças crônicas e agudas com necessidades de cuidados e controles específicos.

46 thoughts on “Em quanto tempo a AIDS se desenvolve?

  1. Boa tarde Dra.
    Dei carona para uma prostituta na estrada e após 15 minutos conversando ela me masturbou, ejaculei na mão dela, tendo em vista que ela pode ter masturbando outra pessoa antes a o risco de se contaminar pelo HIV? Devido a força que ela empregou na masturbação fiquei sentindo dor no pênis,fui ao urologista e o mesmo disse que aparentemente não estou com sinais de Dst, o mesmo passou apenas antiinflamtorio devido o trauma, qual o risco para Hiv nessa condição?

  2. Olá doutora. Então, tive um encontro com uma pessoa que eu não conheço direito. Enfim, não rolou penetração e nem oral
    Pelo fato de não ter camisinha em mãos. Só que esse cara com raiva por eu não ter feito nada. Passou aquele líquido pre ejaculatorio nos lábios dele e em seguida me beijou. Ele fez isso sem eu perceber com raiva e depois me falou que ele tinha feito isso. Então, corre o risco de eu ter me contaminado??

  3. Olá ,tive relação à 2 anos atrás ,porem fiz exame de Hiv 1 e 2 semana passada e deu :Não reagente a hiv . Oq quero saber é o sintomas demora de 1 à 10 anos para aparecer , mais o exame independente desses anos ,se tiver hiv ele mostra em definitivo ou não

    1. Bom dia. Com relação ao HIV, com tanto tempo após a exposição qualquer destes teste já deveriam estar positivos. Caso tenha alguma, sugiro que procure um médico infectologista de sua confiança, para que possa te avaliar pessoalmente e solicitar os exames cabíveis para seu caso, em busca de um possível diagnóstico.

  4. Olá Doutora . Tive uma Relação Sexual Hoje ás 13:40 , Só Que Não Usei Camisinha ,Sendo Que Essa Pessoa Mantém Relações Sexuais Com Outras Pessoas e Geralmente É Sem Camisinha .
    Agora Tem Medo De Está Infectado. Quanto Tempo Possso Saber Se estou Com Aids!

    1. Bom dia. Estar na fase da AIDS é diferente de possuir o vírus do HIV, no próprio texto explica.
      Uma opção é dar inicio ao uso de PEP com até 72h da exposição de risco, mas após esse período não há eficácia comprovada (saiba mais sobre o assunto aqui: https://www.drakeillafreitas.com.br/profilaxia-pos-exposicao-ao-hiv/).
      Uma vez que houve exposição ao risco de se infectar você deve procurar um médico infectologista de sua confiança para te avaliar pessoalmente e solicitar todos os exames cabíveis, independente de ter sintomas ou não.

  5. Meu tia e tia e primo morreram dessas doença e ficou uma menina q hoje tem 18 anos é possível ela ser saudável?

    1. Esse sintoma não é específico de AIDS e pode ter várias causas. Para saber se tem AIDS ou não, apenas com exames de sangue específicos, para saber o motivo desses sintomas. Precisa ser avaliado pessoalmente pelo seu médico.

    1. Podem ser muitas coisas. procure o seu médico e converse com ele.
      Não fique sem tomar as medicações do HIV
      Não abandone o seu tratamento pois é a forma mais rápida de chegar às complicações causadas pelo virus

  6. Olá, Descobrir que sou portador do vírus HIV a 2 meses, mas por causa da demora em fazer o exame de sangue porque o ambulatório do hospital onde iniciei o tratamento esta de greve e devo começar tomar o antirretroviral daqui uns 3 meses por causa dessa demora posso desenvolver alguma doença oportunista? estou bem de saúde e não sinto nada de anormal no meu organismo mas tenho medo de ficar doente.

  7. Boa noite sou doador de sangue tive relação sem camisinha com uma pessoa em 2011 fiz exame e deu nada se tivese tinha acusado alguma COISA

  8. Olá. Tive uma única situação de risco, isso há 16 anos, mas nunca fiz exames de HIV. Só esses dias fiquei com medo, pois estava lendo sobre o assunto e percebi que durante esses 16 anos apresentei alguns dos sintomas. Sei que a única forma de saber é fazendo o exame, mas esse tempo sem tomar nenhum remédio, eu não já estaria “sofrendo”? Informo que me sinto normal, com peso e etc, só tenho muita ansiedade.

  9. Após um contato de risco, caso tenha adquirido a doença, quanto tempo leva para ser capaz de transmiti-la?

  10. Boa tarde sera possivel transar com um seropositivo por 4 anos sem protecao e mesmo assim nao ficar contaminado?

  11. Eu sei que é estranho, mas aconteceu como uma “brincadeira de criança”. Quando eu tinha 12 anos, em 2008, eu deixei 2 amigos da rua colocarem o pênis em meu ânus. Os dois tinham 13 anos. Não houve “entra e sai”, cada um colocou uma vez e tirou. Faz 10 anos que isso aconteceu e aparentemente estou saudável, ainda não fiz o teste mas fico com essa dúvida. Será possível eu ter contraído o vírus?

  12. Olá dra Keila, preciso saber de umas coisas, a uns anos atrás tive relação com preservativos com uma mulher, apos uns 30 dias fiz um exame de 4 geração com pesquisas de p24, deu não reagente, depois sai dnovo com outra garota, fiz com preservativo, deixei ela chupar meu pênis sem preservativo, fui irresponsável , uns 2 meses depois transei com minha esposa sem camisinha e ela agora não consegue se livrar de uma infecção vaginal por fungos, tá tendo uns problemas de saúde. Será q pode ser AIDS?

    1. Uma vez que houve exposição ao risco, você precisa ser testado para HIV e outros Infecções sexuais, independente de ter sintoma s ou não. Quanto a infecção ginecológica de sua esposa, ele deve ver isso junto ao ginecologista ou infectologista. Isso não necessariamente tem qualquer ligação com o HIV.

  13. Oi, eu fiz.o exame e deu não reagente. Fiz um ano depois do contato de risco, é possível umas coceiras no meu corpo, daquelas que mesmo ferindo a pele de tanto coçar não alivia, ser HIV. Dois anos atrás na Rodoviária do Plano Piloto de Brasilia eu fiz o exame.

  14. Ola queria saber se uma pessoa fazer sexo com alguem que tem o virus se camisinha e depois de uma semana fazer sexo com outra pessoa a outra pessoa pode pegar a doença ou não

    1. Se toda a relação foi feita com preservativo e não houve nenhum “acidente” com relação ao preservativo (como ruptura do preservativo, por exemplo), não é considerado exposição ao risco para se pegar HIV.

  15. Olá, boa tarde doutora. Apliquei injeção em uma pessoa com HIV (que até então não sabia que tinha) depois ela aplicou uma injeção em mim! Foi usado seringas diferentes e algodão diferente! Mas como apliquei primeiro e depois a pessoa aplicou em mim, fiquei com medo de alguma gota de sangue ter sobrado
    Obs: não tive contado com a ponta da seringa e o algodã usado, só segurei do lado oposto ao que entrou em contato com a pele onde foi aplicada.
    Devo ficar preocupado?

  16. Doutora, boa noite. Qual a quantidade de sangue necessário para transmitir o HIV? A ferida na pele precisa ser em qual proporção? O furo de uma injeção intramuscular é suficiente para eu me contaminar caso um sangue contaminado caía no local ou o algodão sujo de sangue passe pela ferida ?

  17. Boa noite. Meu amigo fez sexo várias. Vezes na mesma senama com garotas diferentes.isso a uns 3 meses atrás Acabou que agora ele tem tido uns sintomas tipo. Molesa no corpo umas manchas vermelhas no corpo gripado. Ele tem medo de ser hiv e por isso ainda nao foi se consultar. A perguntar. E sera que o virus ja pode ta manifestando nele???????

    1. Não tem porque tem medo de nada, o medo que ele deve ter é de não fazer o diagnóstico e não se tratar. Ele precisa ser avaliado por um médico infectologista e realizar os exames pertinentes para realizar o diagnóstico do que está ocorrendo com ele. MESMO QUE OS SINTOMAS SE RESOLVAM SOZINHOS, ele precisa fazer isso.

Deixe uma resposta


*Os comentários são limitados a 500 letras. Obrigada.

Top