Você está aqui
Home > DSTs > Papiloma Vírus Humano: Saiba mais sobre o HPV

Papiloma Vírus Humano: Saiba mais sobre o HPV

Infectologista - Papiloma Vírus Humano: Saiba mais sobre o HPV
Compartilhe

Papiloma Vírus Humano é o causador do condiloma acuminado.

Existem vários tipos de HPV. Ele afeta apenas seres humanos

A maioria das Infecções por HPV são eliminadas do organismo de forma natural durante até  24 meses após o contato

Ele  é um vírus tão comum que quase todos os homens e mulheres serão infectados por um ou mais de seus inúmeros tipos em algum momento da vida.

Formas de transmissão do Papiloma Vírus Humano:

  • Relações sexuais sem preservativo
  • Contato direto com as lesões
  • Transfusão de sangue
  • Transmissão vertical (de mãe gestante para feto)

Ele causa verrugas genitais (ou condilomas) e também câncer

Os Vírus que não são eliminados naturalmente e ficam no organismo podem causar lesões de 2 tipos:

  • Lesões verrucosas (verrugas, condilomas ou cristas de galo)
  • Lesões cancerígenas.

Tipos de HPV com menor risco para desenvolver câncer:

6, 11, 40, 42, 43, 44, 54, 61, 70, 72, 81 e CP6108

Tipos de HPV com maior risco para desenvolver câncer:

16, 18, 31, 33, 35, 39, 45, 51, 52, 56, 58, 59, 68, 73 e 82

Nem todas as pessoas portadoras de HPV de alto risco oncogênico vão desenvolver câncer.

Fatores que podem determinar a progressão das lesões HPV para o câncer:

  • Tipo do vírus
  • Baixa imunidade
  • Tabagismo

Formas de apresentação do Papiloma Vírus Humano

Apresentação latente:

Ocorre quando as pessoas infectadas por HPV não desenvolvem qualquer lesão.

Essa condição pode permanecer durante toda a vida.

Apenas algumas pessoas podem, anos mais tarde, vir a expressar a doença com condilomas ou alterações celulares do colo uterino.

A única forma de se saber que existe a infecção nessas situações é por testes molecular (detecção de material genético do vírus).

Apresentação subclínica:

Presença de lesões verrucosas ou não, tão pequenas que não podem ser vistas a olho nu.

Nesse caso o diagnóstico é feito por exames utilizando lupas, ou líquidos especiais que coram os locais de lesionados

Lesão macroscópica:

São lesões grandes o suficiente para serem vistas a olho nu.

É a forma mais comum de apresentação verruga genital ou condiloma acuminado.

Como são as verrugas do condiloma acuminado:

  • Superfície granulosa, únicas ou múltiplas,
  • Restritas ou disseminadas
  • Cor da pele, eritematosas (avermelhadas) ou hiperpigmentadas (mais escuras que a pele)
  • Tamanho variável. As lesões maiores assemelham-se a “couve-flor” e as menores possuem aparência de pápula ou placa, podendo também ter aspecto filiforme,
  • Dependendo do tamanho e localização anatômica, podem ser dolorosas, friáveis (sangrantes) e/ou pruriginosas (coceira).
  • No homem, localizam-se na glande, sulco bálano-prepucial e região perianal.
  • Na mulher, encontram-se na vulva, períneo, região perianal, vagina e colo.
  • Menos frequentemente, podem estar presentes em áreas extragenitais, como conjuntivas, mucosa nasal, oral e laríngea.

Na maioria das vezes, os sintomas podem nunca aparecer ou só surgir meses ou anos após a infecção, e isso torna difícil saber quando ela aconteceu.

Veja os dados divulgados em 2012 pela respeitada publicação Lancet Oncology, do Reino Unido:

  • 12,7 milhões de novos casos de câncer em homens e mulheres, reportados anualmente em todo mundo.610 mil têm como causa alguns tipos de HPV,
  • O HPV está relacionado com 99% dos cânceres de colo do útero;
  • 90% dos de ânus;
  • 70% dos de boca;
  • 40% dos cânceres de pênis.
  • 10% de todos os casos de câncer em mulheres estão associados a esses vírus.
  • 5% de todos os casos de cânceres em homens estão relacionadas ao vírus

Dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), realizados em 2014:

  • 15 mil  novos casos de câncer de colo do útero a cada ano.
  • 9 mil novos casos de câncer de boca, a maior parte em homens — cerca de 70%.
  • Quanto ao câncer de ânus, em 2009 o instituto somou 539 novos casos em homens e 1.078 em mulheres.

Locais no corpo onde podemos encontrar o Papiloma Vírus Humano:

  • Vagina,
  • Ânus,
  • Pênis,
  • Bolsa escrotal
  • Mãos.

Como prevenir o Papiloma Vírus Humano:

  • O uso do preservativo (camisinha) ajuda, mas não é 100% eficaz.
  • Vacinação

 

A vacinação é recomendada para homens e mulheres a partir dos 9 anos de idade, fase em que a resposta às vacinas é muito mais alta e quando ainda não houve contato com o vírus.

Mas as pessoas mais velhas e/ou que já foram infectadas também se beneficiam, uma vez que as vacinas contêm mais de um tipo de HPV em sua formulação.

Vacinas disponíveis:

Como é o esquema vacinal:

  • 2 doses com intervalo de 6 meses para meninas de 9 a 14 anos
  • 3 doses com intervalo de dois e seis meses para mulheres com HIV entre 9 e 26 anos
  • 2 doses com intervalo de 6 meses para meninos de 12 a 13 anos
  • 3 doses com intervalo de dois e seis meses para homens com HIV entre 9 e 26 anos

 

Leia mais sobre outras Infecções de Transmissão Sexual aqui.

Fonte:

 


Compartilhe
Dra. Keilla Freitas
CRM-SP 161.392 RQE 55.156-Residência médica em Infectologia pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) com complementação especializada em Controle de Infecção Hospitalar pela USP (Universidade de São Paulo); Pós-Graduação em Medicina Intensiva pela Universidade Gama Filho; Graduação em Medicina pela ELAM, com diploma revalidado por prova de processo público pela UFMT (Universidade Federal do Mato Grosso); Experiência no controle e prevenção de infecção hospitalar com equipe multidisciplinar no ajustamento antimicrobiano, taxa de infecção do hospital e infectologia em geral, atendendo pacientes internados e com exposição ao risco de infecção hospitalar; Vivência em serviço de controle de infecção hospitalar, interconsulta de pacientes cardiológicos e imunossuprimidos pós-transplante cardíaco no InCor (Instituto do Coração) ; Gerenciamento do atendimento prestado aos pacientes internados em quartos e enfermarias, portadoras de doenças crônicas e agudas com necessidades de cuidados e controles específicos.


https://www.drakeillafreitas.com.br/quem-somos/

13 thoughts on “Papiloma Vírus Humano: Saiba mais sobre o HPV

  1. Dra. Keilla, fui a um urologista e ele informou q eu estava com molusco contagioso e q eu aplicasse Acido tricloroacetico 90 sobre esses locais; ñ mencionando as consequências. Apliquei com cotonete sobre elas e ao redor, segurando o cotonete em cima, sendo que em um dos casos inclusive com o cotonete embebedado o ácidoácido escorreu pelo saco escrotal, ocasionabdo uma mancha horrivel preta no dia seguinte. Essas manchas pretas causadas por esse ácido somem com o tempo?? É angustiante!!

  2. Dra. Keila,
    Apareceram embaixo dos seios e na barriga umas verruguinhas, baixa, lisa, com coloração castanha clara… Me disseram para passar vinagre de maçã… Quando passei ardeu muito e algumas verrugas com os dias alterou de cor, ficou escura…
    Sou gordinha…

    O que causa isso heim?!
    HPV, Herpes, Papiloma?!

    1. Boa tarde. Não consigo te passar um diagnóstico sem te examinar pessoalmente. Sugiro a procura de um médico infectologista para examiná-la pessoalmente e se necessário, solicitar os exames pertinentes.

  3. Boa tarde! Geralmente o tratamento para essas verrugas, quando ainda pequenas, é demorado? Apresentando verrugas pode ter relações com preservativo?

  4. Gostei muito desejo site . Tem uma bolinhos por dentro da minha coxinha parece carroço muito pequeno de tamanho de agullha nao em compliment mas a sua largura. Depos desaparece e o local fica escuro . Assim começo a ficar desisperado. Doi a minha omoplata a dois meses e aquece pouquinho
    Sera k sao um dia sintomas so Hiv

  5. Oi Doutora! Tudo bom? Lesão de HPV pode se apresentar em forma de pequena placa branca na língua, que fica aparecendo e desaparecendo com 7 dias intervalo e que sai com escovação? Muito obrigado! Sua atenção aqui no site nos ajuda bastante!

  6. Dra, Boa noite, tudo bem?
    Existe algum exame de sangue que podemos fazer para saber se temos HPV ? Se sim, qual a Janela imunológica?
    Muito obrigado mais uma vez

    1. este tipo de exame não é usado com frequência pois exames de sorologias não mostram se o vírus foi eliminado do organismo ou não. e exames moleculares podem oscilar, ou seja pode não aparecer mesmo se a pessoa tiver tido contato.

  7. Dra tenho linfonodos no pescoço, axila e virilha por 2 anos, ja fiz exames de hiv e todas dst todos negativo e hemograma completo normal, fiz ultrassom dos ganglios estava benigno reacionais de processo. Inflamatório, não tenho febre, nem me sinto doente. O que deveria fazer nesse caso?

Deixe uma resposta

Top